Open Campus ISA: Novo ciclo de formação aberta no Instituto Superior de Agronomia

Open Campus ISA: Novo ciclo de formação aberta no Instituto Superior de Agronomia

O Instituto Superior de Agronomia lança agora um novo ciclo de formação aberta, o Open Campus ISA. Esta iniciativa consiste num conjunto de cursos avançados de curta duração, dirigidos a todos os que queiram complementar a sua formação académica ou profissional nas áreas das ciências agrárias, florestais e ambientais. 

Localizado no centro de Lisboa, no campus universitário da Tapada da Ajuda, o Instituto Superior de Agronomia (ISA) da Universidade de Lisboa continua a ser a escola portuguesa de engenharia e ciências agrárias e florestais de referência internacional. Com mais de 100 anos de experiência, o Instituto Superior de Agronomia continua a evoluir e a adaptar o ensino à evolução tecnológica e às novas realidades à escala nacional e global. Atualmente, possui mais de 1500 alunos nos 3 ciclos de ensino e integra cerca de 140 docentes e 50 investigadores.

Este primeiro ciclo – de janeiro a julho de 2020 – concretiza o lançamento de um conjunto de seis cursos em domínios tão diversos como a gestão da água, o risco de incêndio, o sequestro de carbono, as estruturas verdes ou, ainda, a escala molecular ou a informação com base em ferramentas digitais. 

A quem se destinam os cursos do Open Campus ISA?

Os cursos destinam-se a profissionais titulares do grau de licenciado ou mestre, ou a estudantes de doutoramento, nas seguintes áreas:

  • Sistemas agrários, florestais e ambientais.
  • Agro-indústrias.
  • Alimentação e processos alimentares.
  • Biologia, química e outras ciências de base.
  • Arquitetura paisagista.

Alguns dos cursos do Open Campus ISA, quando sujeitos a avaliação, conferem créditos ECTS passíveis de creditação, e cada um dos cursos do Open Campus ISA tem 5 vagas gratuitas, abertas aos alunos de doutoramento, inscritos no ISA.

Porquê um ciclo de formação aberta no ISA?

“Esta iniciativa do Instituto Superior de Agronomia tem como objetivo reforçar o conhecimento em temáticas com impacte para o desenvolvimento de Portugal. Ela deve-se ao empenho de um jovem grupo de docentes e abrange processos e sistemas tecnológicos nas áreas em que a Escola possui conhecimento e está ativa. Devemos promover a transferência de competências para as empresas e instituições públicas, para que estas possam reforçar a sua competitividade ou criar valor.” 
— realça o Prof. António Guerreiro de Brito, Presidente do Instituto Superior de Agronomia — “Acreditamos que apenas adicionando conhecimento e processos de inovação conseguiremos ir mais além e estamos comprometidos em dar o nosso melhor nesta primeira edição do Open Campus ISA.”

Outras áreas temáticas serão apresentadas nas próximas edições, sempre com a perspetiva de retribuir e partilhar com a sociedade o conhecimento criado no ISA. 

Mais informações e inscrições na página Open Campus ou através do e-mail: dacademica@isa.ulisboa.pt

O artigo foi publicado originalmente em ISA.

Comente este artigo
Anterior La derogación de los derechos históricos de la PAC será “una parte de la negociación” del Plan Estratégico Nacional
Próximo Primeiro-ministro faltou a Vimioso, onde o Governo chegou por Espanha

Artigos relacionados

Nacional

Vinhos do Algarve têm nova identidade e estratégia de aposta na qualidade

A Comissão Vitivinícola do Algarve apresentou, no dia 27 de Fevereiro de 2020, uma nova identidade para os Vinhos do Algarve. O objectivo do […]

Sugeridas

Ministra da Agricultura: “os nossos produtos têm a confiança dos consumidores, nomeadamente nos países terceiros.”

O Salão Internacional do Setor Alimentar e Bebidas – SISAB 2020, enquanto mostra mundial de empresas, marcas e produtos portugueses para a […]

Nacional

Produtos fitofarmacêuticos: Classificação harmonizada de substâncias ativas

A DGAV informa que foi publicado o Regulamento de execução (UE) 2020/103 da Comissão de 17 de janeiro de 2020 que altera o Regulamento de Execução (UE) n.º […]