Município de Poiares investe na prevenção de fogos florestais

Município de Poiares investe na prevenção de fogos florestais

O município de Vila Nova de Poiares, no distrito de Coimbra, interveio recentemente na Serra de São Pedro Dias e Alveite, numa operação de prevenção de fogos florestais, foi hoje anunciado.

A intervenção “visou a promoção e restabelecimento de proteção de povoamentos florestais” através de ações de corte e remoção de árvores caídas, limpeza e desobstrução de valetas, construção de novas valetas e valas de drenagem, e regularização e consolidação de mais de seis quilómetros de estradas florestais.

“A intervenção agora concluída representou um investimento de mais de 13 mil euros, comparticipado por fundos comunitários dirigidos para intervenções de estabilização e emergência após incêndio, decorrendo também daquilo que são as orientações do Plano Municipal de Defesa da Floresta Contra Incêndios para o quadriénio 2015-2019”, refere uma nota do município.

Para o presidente da Câmara, João Miguel Henriques, citado no comunicado, “esta intervenção é o exemplo daquilo que tem sido o enorme trabalho levado a cabo pelos serviços municipais em matéria de prevenção dos fogos florestais, nomeadamente no que concerne às estradas florestais, promovendo a defesa das pessoas e dos seus bens e a defesa da floresta”.

“A acumulação da carga combustível é apontada como a principal causa estrutural na origem de incêndios no concelho”, aponta o autarca, que considera “fundamental a infraestruturação que garanta o acesso a áreas de maior risco para a gestão e manutenção das respetivas áreas florestais, através da gestão de combustíveis, como para os meios de combate”.

Comente este artigo
Anterior Reconstrução das primeiras 162 habitações dos fogos de junho ascende a 7ME
Próximo Recuperação de muros no Douro teve apoio de 20 milhões

Artigos relacionados

Notícias inovação

Investigadores detetam antioxidantes e repelentes em resíduos de pinheiro

Uma equipa de investigadores da Universidade de Coimbra (UC) identificou, com “grande surpresa”, compostos com propriedades antioxidantes e repelentes/inseticidas nos cepos e ramos dos pinheiros, […]

Últimas

Fogo com três frentes ativas no Algarve combatido por 200 operacionais e 11 meios aéreos

Um incêndio com três frentes ativas lavra com grande intensidade numa zona florestal em São Marcos da Serra, no Algarve, estando a ser […]

Últimas

Live: Conversas a propósito de… Variações Naturais: Montado

O montado surge por desbravamento do bosque mediterrânico há cerca de 9000 anos. Foi criado para produzir alimento em zonas semiáridas, estando adaptado a pouca água e a solos […]