Mercadona abre hoje segundo supermercado na cidade de Aveiro

Mercadona abre hoje segundo supermercado na cidade de Aveiro

A empresa já abriu o seu novo supermercado na Alameda Silva Rocha, Aveiro, o 4º no distrito de Aveiro e 14º em Portugal. José Ribau Esteves, Presidente da Câmara Municipal de Aveiro, e Ângela Almeida, Presidente da Junta de Freguesia de Esgueira, marcaram presença na abertura do novo supermercado. Este projeto, em cooperação com a CM de Aveiro, contribuiu para a dinamização da zona urbana onde se encontra o novo supermercado Mercadona, com a construção de  novos acessos e um jardim com mais de 4.000 m2 para usufruto dos vizinhos. Esta loja gerou 60 novos postos de trabalho, com contrato sem termo desde o primeiro dia, e conta com uma área de vendas de 1.800 m2 e 180 lugares de estacionamento.

A Mercadona abre hoje o novo supermercado de Aveiro, localizado na Alameda Silva Rocha, nº 29. Este é o 14º supermercado da empresa em Portugal e o 2º a abrir na cidade de Aveiro, depois da abertura, no passado mês de junho, na Avenida Europa.

Em 2019, a Mercadona já tinha entrado no distrito de Aveiro, onde conta atualmente com 4 lojas. Esta nova loja possibilitou a criação de cerca de 60 postos de trabalho, estáveis e de qualidade, com contratos sem termo desde o primeiro dia, contribuindo assim para a criação de emprego local. Continuando com o seu plano de expansão, a empresa tem previsto para 2020 abrir mais uma loja neste distrito (Águeda), outras quatro no distrito do Porto (Ermesinde, Trofa, Paços de Ferreira e Porto) e, pela primeira vez, entra no distrito de Viana do Castelo, com uma loja na cidade.

Este supermercado responde ao Modelo de Loja Eficiente que a empresa está a implementar em toda a rede e conta com uma superfície de vendas de 1.800 m2 e 180 lugares de estacionamento, com um horário de funcionamento das 9:00h às 21:30h, de segunda-feira a domingo.

José Ribau Esteves, Presidente da Câmara Municipal de Aveiro, destaca: “Saúdo a abertura da segunda Loja da Mercadona em Aveiro, exemplo de aposta no Município de Aveiro e de cooperação com a Câmara Municipal de Aveiro num processo de regeneração urbana, materializando a construção de uma nova rotunda na Alameda Silva Rocha, da qualificação do arruamento de ligação à zona da Forca e o projeto (já em obra) da via de ligação à Avenida Vasco Branco. Desejo sucesso à Mercadona nas duas operações de Aveiro e Felicidades aos seus Profissionais”.

Inês Santos, Diretora de Relações Externas Centro e Sul de Portugal da Mercadona, refere: “O novo supermercado Mercadona em Aveiro, situado na Alameda Silva Rocha, destaca-se por ser um projeto que contribuiu para a requalificação da zona onde está inserido. Junto a esta loja foi contruído um jardim com mais de 4 mil metros quadrados, para usufruto dos vizinhos, além das infraestruturas circundantes que visam proporcionar melhores acessos nesta zona da cidade. Orgulhamo-nos muito destes projetos que permitem dar o nosso contributo para a dinamização e requalificação das zonas onde implementamos as nossas lojas.”

A empresa, tal como tem vindo a fazer desde o início desta situação de pandemia, continuará a aplicar todas as medidas de segurança dentro das suas lojas com o objetivo de garantir a saúde e segurança dos seus colaboradores e clientes.

Supermercado Mercadona na Alameda Silva Rocha, Aveiro

O próximo supermercado Mercadona a abrir será em Ermesinde, na Antiga Fábrica de Sá, no próximo dia 18 de agosto. Conheça mais sobre este projeto aqui.

Características da loja e suas secções

A nova loja caracteriza-se por ter corredores amplos e confortáveis, dispõe de uma entrada de vidro duplo que evita correntes de ar, lineares específicos de leite fresco e sumos refrigerados, mural de sushi, uma charcutaria com presunto ibérico cortado e embalado no momento, uma ilha central na perfumaria para maquilhagem e uma máquina de sumo de laranja espremido na hora.

Este Modelo de Loja Eficiente da Mercadona procura também oferecer um excelente serviço para facilitar o ato de compra dos clientes através de corredores amplos de frutas e legumes, e dois modelos de carrinhos, ergonómicos e leves, que não precisam de moeda. Destaca-se também o Pronto a Comer, que em Portugal apresenta 41 opções de pratos recém-cozinhados que os clientes podem levar para casa ou comer na própria loja, numa zona de refeições exclusiva para o efeito.

Com esta abertura, os clientes da Mercadona poderão beneficiar da sua política comercial S.P.B. (Sempre Preços Baixos), que a empresa utiliza de forma exclusiva e que consiste em garantir a melhor qualidade com o menor preço unitário dos produtos, de forma estável e permanente.

Mercadona em Portugal

A Mercadona assinalou no passado dia 2 de julho, o primeiro aniversário da abertura do supermercado de Canidelo, Vila Nova de Gaia, o primeiro da cadeia em Portugal, três anos depois de ter anunciado a sua entrada no país. Com esta inauguração, à qual se somaram nove lojas, em 2019, localizadas nos distritos de Porto, Braga e Aveiro, a empresa tornou realidade o seu processo de internacionalização, anunciado em junho de 2016 e que se consolidou durante estes quatro anos graças ao esforço de mais de 900 colaboradores e mais de 300 fornecedores portugueses, aos quais a empresa comprou 217 milhões de euros em 2019. Deste valor, 126 milhões de euros correspondem a fornecedores comerciais, sendo que 90% dos produtos comprados em Portugal são exportados para Espanha.

Nos primeiros seis meses de operação, com 10 lojas, a Mercadona obteve uma faturação total superior a 32 milhões de euros e contribuiu para a riqueza do país com o pagamento de 11 milhões de euros em impostos através da sua sociedade portuguesa, Irmãdona Supermercados S.A. A empresa continuou o forte esforço de investimento no desenvolvimento deste projeto, superior a 220 milhões de euros entre 2016 e 2019.

Comente este artigo
Anterior Common Agricultural Policy, 1964 movie
Próximo Setor do vinho vê regras da concorrência flexibilizadas - Nuno Calaim Lourenço

Artigos relacionados

Dossiers

ASAJA insta a los eurodiputados a que eviten el recorte en los fondos de la PAC

Imagen de ASAJA.
El Parlamento Europeo, en su reunión extraordinaria celebrada el pasado 24 de julio, […]

Dossiers

Buenas sensaciones en el mercado del ovino


En el sector del ovino las lonjas reflejaron repeticiones casi generalizadas durante esta semana. No obstante, fuentes del sector apuntan que la tendencia empieza a cambiar: hay más animales en las granjas y los pesos suben ante la falta de envíos por vía marítima; […]

Dossiers

Curso de Complemento em Proteção das Culturas – últimas inscrições

A Consultua -Ensino e Formação Profissional está a receber as últimas inscrições para o Curso Complemento em Proteção das Culturas, uma ação de formação homologada pela DGADR – […]