Marcolino Sebo lança Visconde de Borba Rosé 2018

Marcolino Sebo lança Visconde de Borba Rosé 2018

[Fonte: Vida Rural]

A Marcolino Sebo Wines and Oils acaba de lançar o Visconde de Borba Rosé 2018, um vinho produzido a partir das castas aragonez e alfroucheiro.

“Apresenta cor rosada viva, aroma complexo de frutos vermelhos e flores silvestres, sabor frutado, fresco, ligeiramente acídulo, encorpado e com boa persistência”, explica o produtor.

A Marcolino Sebo diz que foram engarrafas 5000 unidades, que estão disponíveis nos habituais canais de distribuição por um PVPR de 3,5 euros.

Comente este artigo

O artigo Marcolino Sebo lança Visconde de Borba Rosé 2018 foi publicado originalmente em Vida Rural

Anterior Geo.Metric apresenta ‘drones’ para combate a incêndios no Portugal Air Summit
Próximo Portugal, China e Nova Iorque. Azeites CAMB estão imparáveis

Artigos relacionados

Nacional

Maior plataforma de microalgas da Europa instala-se em Vila Franca de Xira

O concelho de Vila Franca de Xira vai dispor da maior plataforma de microalgas da Europa, através de um investimento de 22 milhões de euros que prevê criar uma centena de postos de trabalho e que foi apresentado esta quinta-feira.

A plataforma designa-se por “Algatec – […]

Últimas

“Esta é uma demissão que não nos admira”

O presidente da Associação Nacional dos Bombeiros Profissionais (ANBP), Fernando Curto, disse hoje que a demissão da ministra da Administração Interna já era expectável perante os últimos acontecimentos relacionados com os incêndios florestais.

Comente este artigo
#wpdevar_comment_5 span,#wpdevar_comment_5 iframe{width:100% !important;} […]

Notícias Fitofarmacêuticos

Glifosato – ANIPLA apela a decisão comunitária coerente com a evidência científica.

[Fonte: Anipla]

Anipla escreveu ao Ministro da Agricultura e reuniu-se com Secretário de Estado, para apelar ao voto positivo de Portugal para a renovação da licença.
Associações de produtores portuguesas têm manifestado publicamente a preocupação com o futuro da actividade agrícola sem alternativas sustentáveis ao glifosato. […]