Maio de 2019: maior produção de frango, menos de ovos e leite

O volume de produção de frango em Maio de 2019 teve um aumento de 4,5% (+0,7% em Abril), com 27.002 toneladas, resultante de animais de peso médio superior, uma vez que o número de cabeças foi inferior ao mês homólogo em 1,3% (+2,4% em Abril), revela o Instituto Nacional de Estatística (INE), no seu Boletim Mensal da Agricultura e Pescas – Julho de 2019.

Pelo contrário, a produção de ovos de galinha para consumo teve um decréscimo de 5,2% (+15,2% em abril), com 8.915 toneladas produzidas.

Decréscimo do volume de leite para consumo e de leites acidificados

Por outro lado, a recolha de leite de vaca em Maio de 2019 foi 171,3 mil toneladas, o que indica um decréscimo de 2,9% em relação ao mês homólogo (-1,4% em Abril).

O fabrico de produtos lácteos foi também inferior em 6,1% (-5,4% em abril), devido sobretudo ao decréscimo do volume do leite para consumo (-7,7%), leites acidificados (-6,4%) e manteiga (-3,1%).

Pelo contrário, houve um aumento da produção de nata para consumo (+14,6%) e do queijo de vaca (+2,8%).

Agricultura e Mar Actual

O artigo foi publicado originalmente em Agricultura e Mar.

Comente este artigo
Anterior Dominado fogo em Sobral do Campo, Castelo Branco
Próximo Cientistas europeus pedem lei que distinga edição de genoma de outras modificações

Artigos relacionados

Últimas

Tutela dos animais de companhia no Ambiente retira Portugal da “cauda da Europa” – Associações

Organizações de defesa dos direitos dos animais congratularam-se hoje com a promulgação do diploma que transfere a tutela dos animais de companhia para o Ministério do Ambiente, […]

Nacional

Proença-a-Nova incentiva proprietários florestais

Durante os meses de janeiro e fevereiro, o Município de Proença-a-Nova promoveu 16 ações de sensibilização sobre a temática da floresta – […]