Linha de Crédito de 100 ME para Descarbonização e Economia Circular na Indústria e Turismo

Linha de Crédito de 100 ME para Descarbonização e Economia Circular na Indústria e Turismo

O dia Mundial do Ambiente, assinalado ontem (5 de junho) foi escolhido pelos Ministérios da Economia e do Ambiente para o lançamento de uma Linha de Crédito de 100 milhões de euros para a Descarbonização e Economia Circular dirigidas a PME industriais e do setor do Turismo.

Na nota enviada às redações explica-se que “o novo instrumento visa facilitar às empresas a transição de fontes de energia fósseis para energias renováveis, contribuindo para cumprir as metas nacionais definidas no Plano Nacional Energia-Clima”.

Por outro lado, refere ainda, a Linha pretende acelerar o processo de mudança para uma economia circular, ao criar oportunidades desde o redesenho de processos, produtos e novos modelos de negócio até à otimização da utilização de recursos, de acordo com o definido pelo Plano Nacional de Ação para a Economia Circular (PAEC) e pelo Plano Europeu para a Economia Circular.

Dez instituições bancárias garantem a operacionalização do apoio, na sequência de protocolos assinados nesta quarta-feira.

“A Linha de Crédito lançada no âmbito do Programa Interface e representa uma clara melhoria das condições de financiamento e da tipologia de operações abrangidas, com o apoio público a passar pelo sistema de garantia mútua nacional e, também, pela bonificação das taxas de juro associadas a cada operação. Estas alterações significativas demonstram a importância deste instrumento financeiro no contexto das políticas públicas em implementação no domínio da Descarbonização e da Economia Circular”, conclui a nota.

Imagem de pixel2013 por Pixabay

O artigo foi publicado originalmente em Voz do Campo.

Comente este artigo
Anterior Governo tem 3 M€ para captação de água para combater a seca
Próximo Poderá ser anunciada amanhã a construção da Barragem do Pisão

Artigos relacionados

Nacional

Investigadores estudam vegetação mediterrânica preferida por cabras em pastoreio


Investigadores da Estação Zootécnica Nacional (EZN), em Santarém, seguem há um ano um rebanho de cabras para saberem que vegetação mediterrânica preferem comer, […]

Últimas

Governo lança plano de recuperação florestal de Mação, Sertã e Vila de Rei

O Governo criou um grupo de trabalho que vai elaborar o Plano Integrado de Transformação Territorial para recuperação dos concelhos de Mação, […]

Nacional

Incêndios: Três meios aéreos e mais de 150 operacionais combatem fogo em Cinfães

A mesma fonte adiantou que às 09:00 estavam no local do incêndio 158 operacionais, com o apoio de 46 veículos e três meios aéreos. […]