Instabilidade veio para ficar

Instabilidade veio para ficar

– Instabilidade veio para ficar –

As condições de tempo instável chegaram.  Deverão  ficar e até acentuar-se em Novembro.

As condições de circulação atmosférica que nos levaram a prever um Novembro mais instável,  frio e chuvoso, com mudança radical do estado do tempo, chegaram mais cedo do que previsto.

A nossa avaliação falhou ao identificar esta possibilidade e aqui está o padrão de tempo instável que era suposto chegar apenas lá mais para o fim do mês.

Esperamos no entanto que estas condições de tempo fresco e chuvoso se acentuem ainda mais em Novembro, especialmente até à 3ª semana de Novembro.

O mês de Dezembro deverá ter um comportamento um pouco mais seco, pelo que será entre o fim deste Outubro e o fim de Novembro que esperamos maiores probabilidades de tempo mais adverso, com uma janela aberta para que se possa mitigar de forma substantiva a situação actual de seca.

Ainda falta muito para o Inverno, mas tudo indica que será menos seco que o de 2018-19.

Comente este artigo

O artigo foi publicado originalmente em BestWeather.

Veja a previsão do tempo e a melhor altura para pulverizar na nossa página de Meteorologia powered by Syngenta.

Anterior Avisos Agrícolas 16/10/2019: Kiwi, Citrinos, Castanheira, Nogueira, Oliveira, Diospireiro, Tomateiro
Próximo Agricultura biológica. Quota em Portugal é de 7%, em linha com a média da UE

Artigos relacionados

Nacional

Está em consulta pública, até 7 de Novembro, o Impacte Ambiental do projecto do bloco de rega da Vidigueira

[Fonte: O Digital] Está a decorrer, até ao próximo dia 7 de Novembro, na Agência Portuguesa do Ambiente (APA) o processo de Avaliação de Impacte Ambiental do projecto do Circuito Hidráulico de Vidigueira e Respectivo Bloco de Rega. […]

Últimas

El Gobierno de Aragón pagará este viernes el anticipo de las ayudas de la PAC

Frutales en la Ribera del Cinca (Aragón)
El Gobierno de Aragón realizará este viernes 8 de noviembre el primer pago de las ayudas de la Política Agraria Común (PAC). […]