Incêndios. Ano de 2020 com segundo valor mais baixo dos últimos dez anos

Incêndios. Ano de 2020 com segundo valor mais baixo dos últimos dez anos

Comparando os valores do ano de 2020 com o histórico dos dez anos anteriores, registaram-se menos 54% de incêndios rurais e menos 54% de área ardida relativamente à média anual da última década.

 

O número de incêndios ocorridos este ano e até 15 de julho situa-se no segundo mais baixo dos últimos dez anos e a área ardida regista o quinto valor mais reduzido, segundo dados provisórios divulgados esta quinta-feira.

O relatório do Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF) indica que, entre 1 de janeiro e 15 de julho, deflagraram 3.383 incêndios, menos 1.907 (menos 36%) do que as ocorrências de fogo registadas no mesmo período do ano passado, quando tinha ocorrido 5.290.

Segundo o ICNF, as chamas consumiram 9482 hectares (ha) até 15 de julho, entre povoamentos (3396 ha), matos (3123 ha) e agricultura (2963 ha), uma redução de cerca de 6% (menos 702 ha) em relação ao mesmo período de 2019.

 

https://www.agroportal.pt/2o-relatorio-provisorio-de-incendios-rurais-1-de-janeiro-a-15-de-julho/

Continue a ler este artigo no Observador.

Comente este artigo
Anterior Live-stream: Caminhos de Adaptação de Espécies Agrícolas às Alterações Climáticas
Próximo SNIRA - Novo webservice - Informação sobre os animais na exploração

Artigos relacionados

Comunicados

PDR com 536 milhões de euros para a floresta

O Secretário de Estado da Agricultura e Alimentação, Luís Vieira, afirmou hoje que o “Governo está empenhado na “promoção e captação de investimento para a floresta, […]

Internacional

GMO wheat varieties boost crop yields 20-30% in field trial

[Fonte: GLP] Studies conducted at the Australian Plant Phenomics Facility (APPF) showed experimental genetically modified (GM) wheat lines [have] the potential to significantly increase yields. […]

Sugeridas

Os desafios do agroalimentar no pós pandemia

Estes dias que temos vivido são tempos que ninguém julgou alguma vez vir a vivenciar. É uma espécie de guerra, sem armas, em que o inimigo é […]