Governo reforça Fundo Florestal Permanente com três milhões de euros

Governo reforça Fundo Florestal Permanente com três milhões de euros

 O montante a disponibilizar pelo Governo será usado para reforçar a contrapartida nacional destinada a financiar projetos de investimento florestal apoiados a nível europeu.

O Governo vai disponibilizar até três milhões de euros, a serem concedidos pelo Fundo Florestal Permanente, para reforçar a contrapartida nacional destinada a financiar projetos de investimento florestal apoiados a nível europeu.

De acordo com um despacho publicado na sexta-feira em Diário da República, o Ministério da Agricultura, Florestas e Desenvolvimento determinou o reforço da verba disponível para as contrapartidas nacionais de projetos aprovados no âmbito do Fundo Europeu Agrícola de Desenvolvimento Rural (FEADER).

Este apoio será depois gerido pelo Fundo Florestal Permanente, que é um instrumento financeiro direcionado para a concretização dos objetivos da Estratégia Nacional para as Florestas e de outras medidas de política setorial.

Um dos eixos de intervenção do Fundo é o da “promoção do investimento, da gestão e do ordenamento florestais“, sendo a esses que se dirige a verba agora disponibilizada.

O secretário de Estado das Florestas e do Desenvolvimento Rural, Miguel Freitas, tinha já dito em julho, pouco depois de ter assumido a pasta na sequência da última remodelação da equipa executiva de António Costa, que as verbas do Fundo Florestal Permanente teriam de ser reforçadas nos orçamentos de 2018 e de 2019.

Comente este artigo
Anterior Pagamentos de Setembro 2017
Próximo Seca? Portugal não é um Pais deficitário em Água - Ilídio Martins

Artigos relacionados

Comunicados

Boletim Mensal da Agricultura e Pescas – Setembro de 2019

As previsões agrícolas, em 31 de agosto, apontam para fortes aumentos de produtividade na maçã (+30%) e na amêndoa (+65%), face a 2018, em resultado das condições meteorológicas favoráveis ao longo do ciclo produtivo e da entrada em produção de novos pomares. […]

Sugeridas

Confagri critica “fundamentalismo” de “iluminados” contra produção pecuária

O secretário-geral da Confagri, Francisco Silva, criticou hoje, em Esposende, os “iluminados” responsáveis pela “campanha difamatória” contra a […]

Últimas

30 mil hectares consumidos nos últimos dias, 122 mil desde janeiro

[Fonte: Diário de Notícias]
Os incêndios florestais que se registam desde domingo nos distritos de Castelo Branco, Santarém e Portalegre consumiram quase 30 mil hectares, […]