Governo altera regime de exploração de novas centrais de valorização de biomassa

O Conselho de Ministros aprovou hoje, 18 de Julho, o decreto-lei que altera o regime especial e extraordinário para a instalação e exploração de novas centrais de valorização de biomassa e define medidas de apoio e incentivo destinadas a assegurar a sua concretização.

Explica o comunicado do Conselho de Ministros que o diploma “visa maximizar as potencialidades do regime especial de instalação de centrais de biomassa, procurando, por um lado, descarbonizar os consumos térmicos existentes e, por outro, promover a máxima eficiência energética das centrais a abranger por este regime especial”.

Florestas: 35% do território continental

Os espaços florestais ocupam cerca de 35% do território continental e são fornecedores de diversos produtos essenciais para actividades industriais como a pasta e papel, cortiça e mobiliário, contribuindo para gerar 2% do PIB, 12 mil postos de trabalho directos, 8 % do PIB industrial e 5,6% das exportações, havendo estimativas que apontam para 2.907 milhões de euros, o valor da floresta portuguesa, segundo as contas nacionais do Instituto Nacional de Estatística, relativas a 2014.

No quadro do conjunto de medidas do Plano Nacional de Defesa da Floresta contra Incêndios (PNDFCI), aprovado em 2006, o Governo lançou no mesmo ano procedimentos de concurso público visando a construção e exploração de centrais dedicadas a biomassa florestal residual abrangendo uma potência total de injecção na rede de 100 MW, a localizar em áreas de rede escolhidas numa óptica de sustentabilidade do abastecimento do recurso florestal e risco de incêndio.

Agricultura e Mar Actual

O artigo foi publicado originalmente em Agricultura e Mar.

Comente este artigo
Anterior Objetivos de Desenvolvimento Sustentável na alimentação longe de serem cumpridos
Próximo Centro de investigação CIBIO vai abrir polo na universidade francesa de Montpellier

Artigos relacionados

Últimas

Alemanha já é o quinto maior comprador  de frutas e legumes portugueses

A Portugal Fresh – Associação para a Promoção das Frutas, Legumes e Flores vai participar pelo 8º ano consecutivo na Fruit Logistica, […]

Notícias florestas

Ministro do Ambiente salienta importância da regeneração natural do Pinhal de Leiria

O ministro do Ambiente salientou hoje a importância da regeneração natural do Pinhal de Leiria, após o incêndio de outubro de 2017, revelando que já renasceram dois mil hectares e será dada mais uma oportunidade esta primavera. […]

Sugeridas

Portugal cumpre regra da guilhotina. Este ano não devolve dinheiro nenhum a Bruxelas

Em nenhum programa operacional Portugal está em risco de ter de devolver verbas a Bruxelas por falta de execução. Todos os programas ultrapassam em mais de 100% a meta definida para 2019. […]