EDIA atualiza e expande a área coberta pelos ortofotomapas

EDIA atualiza e expande a área coberta pelos ortofotomapas

Já se encontram acessíveis no site da EDIA os ortofotomapas de 2019, dando assim continuidade à disponibilização gratuita dos seus dados geográficos.

Os ortos agora disponibilizados, que cobrem toda a área do Empreendimento de Fins Múltiplos de Alqueva, EFMA, expandem-se para jusante de Pedrógão até à zona do Pomarão, junto a Mértola.

Tal como em 2017, são disponibilizados em duas coberturas, uma com cor verdadeira e outra de “falsa-cor” com banda de infravermelhos.

Estes ortofotomapas são frequentemente procurados pelos beneficiários e investidores do EFMA para implementação de projetos agrícolas, sendo igualmente uteis na gestão de uma exploração agrícola, no planeamento, em avaliações prediais, entre outras aplicações.

Estes dados podem ser redistribuídos e usados para qualquer fim, desde que se cumpram determinados requisitos, nomeadamente informação sobre a sua origem e propriedade e sobre eventuais alterações que tenham sido efetuadas, entre outros.

Ao disponibilizar gratuitamente os seus dados geográficos, a EDIA continua a apostar na promoção do desenvolvimento económico e social do espaço Alqueva.

Os Dados Alqueva podem ser descarregados no site da EDIA, na área de apoio ao agricultor:

→ Dados Geográficos ←

Comente este artigo
Anterior Webinar GLOBALG.A.P. - Atualização da versão 5.3 (opção 1 e 2), CoC V06 e GRASP - 9 de junho
Próximo CRISPR | Investigadores estão a desenvolver alfaces resistentes ao calor

Artigos relacionados

Dossiers

Anticiclone dos Açores está fraco e permite trovoadas fortes

Investigador da UTAD diz que chuva forte e granizo são normais para a época no Interior do país. […]

Comunicados

Vencedor do X Concurso de Vinhos do Algarve

O vencedor do melhor vinho do Algarve é o Quinta do Barradas, […]

Últimas

Governo dos Açores contra eventual corte de 3ME de euros no programa POSEI

O secretário da Agricultura dos Açores manifestou-se contra um eventual corte de três milhões de euros no programa específico para as regiões ultraperiféricas POSEI, […]