Douro Primeira Prova apresenta 150 novos vinhos em três dias em julho

Douro Primeira Prova apresenta 150 novos vinhos em três dias em julho

Vinte e um produtores realizam o Douro Primeira Prova entre 05 e 07 de julho, no Peso da Régua, para apresentarem cerca de 150 vinhos a 100 especialistas provenientes de 11 países, foi hoje anunciado.

Os produtores do vale do Douro uniram-se no projeto “The New Douro” (O Novo Douro) e há cerca de uma década que promovem em conjunto os seus vinhos, com iniciativas realizadas principalmente no estrangeiro.

Em 2019, os profissionais do setor foram convidados para a primeira edição do Douro Primeira Prova e para “num só lugar”, o Museu do Douro, conhecerem toda a região, “sem o incómodo de ter que percorrer o longo e tortuoso caminho entre as quintas”.

A organização disse hoje, em comunicado, que este ano o evento vai dar a conhecer 150 vinhos produzidos na Região Demarcada, “permitindo perceber a evolução das quintas, a qualidade das últimas colheitas e o potencial máximo dos vinhos da região vinhateira – dos tintos, brancos e do vinho do Porto.

Durante três dias, de 05 a 07 de julho, são esperados no Museu do Douro, no Peso da Régua, distrito de Vila Real, cerca de uma centena de críticos de vinhos, jornalistas, ‘sommeliers’ e compradores nacionais e internacionais.

Os cerca de 100 especialistas esperados são provenientes de países como, por exemplo, a Áustria, Suíça, Alemanha, Dinamarca, Polónia, Estados Unidos da América (EUA), Canadá e Brasil.

Depois da primeira edição em 2019, o Douro Primeira Prova deveria ter-se realizado em 2020, mas a pandemia de covid-19 obrigou ao seu adiamento.

Agora, em 2021, os 21 produtores da região vão apresentar os seus vinhos jovens: vinhos brancos e rosés de 2019 e 2020, bem como vinhos tintos e do Porto de 2018 e 2019.

De acordo com a organização, o Douro Primeira Prova é uma degustação silenciosa e, durante as provas, os produtores de vinho estarão presentes para responder a quaisquer perguntas sobre métodos de produção ou filosofias específicas.

Todas as tardes de degustação terminarão com um seminário liderado pelos próprios enólogos, explorando vários aspetos da produção de vinho na região duriense.

Em 2019, o evento contou com a presença de 167 vinhos, mais de 90 especialistas de 18 países diferentes, entre eles Suécia, Itália, Canadá, Rússia e Japão.

Os produtores que integram o projeto “The New Douro” são: Casa Ferreirinha (Sogrape Vinhos), Duas Quintas (Ramos Pinto), Duorum Vinhos, Lavradores de Feitoria, Poeira, Niepoort, Poças, Quinta da Gaivosa (Alves de Sousa), Quinta do Crasto + Roquette&Cases, Quinta do Noval, Quinta da Romaneira, Quinta do Vallado, Quinta dos Murças, Quinta Nova, Quinta do Vale Meão, Churchill’s, Symington/Prats & Symington, Van Zellers & Co., Vértice e Wine&Soul.

Os lugares para a prova são limitados e a organização garantiu o cumprimento de todas as regras de higiene e segurança para prevenir a covid-19.

Segundo dados estatísticos do Instituto dos Vinhos do Porto e Porto (IVDP), em 2020, foram vendidos cerca de 340 milhões de euros de vinho do Porto, menos 10,2% do que no ano anterior. Em Portugal, as quebras no volume de negócios deste vinho atingiram os 37% arrastadas pelo encerramento do canal Horeca (hotéis, restaurantes, cafés) e pela redução do turismo.

As vendas de vinhos DOP (Denominação de Origem Protegida) Douro rondaram os 161 milhões de euros, menos 7,8% do que em 2019.

Cancelado evento Douro Primeira Prova previsto para a Régua

Comente este artigo
Anterior BUPi chega a Viseu Dão Lafões
Próximo Edição genómica de plantas pode melhorar segurança alimentar de forma sustentável

Artigos relacionados

Eventos

Webinar: Novos consumidores / Novas oportunidades – 18 de novembro

A  CAP irá organizar, no próximo dia 18 de Novembro (Quarta-feira), pelas 14:30 horas, um Webinar subordinado ao tema «Novos consumidores / Novas oportunidades». […]

Comunicados

Avisos Agrícolas 07/07/2020: Vinha

O Serviço de Avisos Agrícolas é um serviço nacional do Ministério da Agricultura que tem por finalidade emitir avisos agrícolas. […]

Nacional

Comissão Europeia faz avaliação externa à política de informação sobre a PAC – Inquérito

Como parte da avaliação externa que a DG AGRI da Comissão Europeia está a realizar sobre a política de informação referente à PAC – Política Agrícola […]