Declaração de existências de ovinos e caprinos 2017

Declaração de existências de ovinos e caprinos 2017

[Fonte : IFAP]

A declaração de existências de ovinos e caprinos poderá ser efetuada diretamente pelo produtor naÁrea Reservada do Portal do IFAP, em “O Meu Processo”, ou através das entidades reconhecidasnuma das Salas de Atendimento existentes para o efeito, ou nos Serviços Veterinários Oficiais.

Os detentores de ovinos e caprinos devem proceder à submissão da declaração de existências, durante o mês de janeiro de 2018 por referência a 31 de dezembro de 2017.

Para mais informações consulte o Manual do Utilizador da Declaração de Existências de Ovinos e Caprinos [pdf: 3,3 MB; 46 pág].

Para esclarecimentos adicionais poderá contactar o IFAP, através do endereço de correio eletrónico info.snira@ifap.pt ou ainda pelos restantes canais de atendimento que tem ao seu dispor: Atendimento Presencial, na Rua Fernando Curado Ribeiro, n.º 4G, em Lisboa, Atendimento Eletrónicoou pelo Call Center 217 513 999.

Comente este artigo
Anterior Capoulas faz balanço dos apoios aos agricultores afectados pelos incêndios
Próximo Carial Flex- novo fungicida Syngenta para controlo do míldio da batateira

Artigos relacionados

Nacional

Açores querem ser referência na produção biológica

[Fonte: Dinheiro Vivo – empresas]
A cooperativa Bioazórica, criada na ilha Terceira, nos Açores, passou de dois para 45 produtores de agricultura biológica, em sete anos, e pretende que a região se torne numa referência nesta área.
“Queremos conseguir alargar ao máximo a mancha da agricultura biológica e criar pontes entre as outras ilhas, […]

Mercados

Governo avança com sistema de cotação para travar preço da madeira queimada

[Fonte: Observador]

O Governo vai avançar com o sistema simplificado de cotações de mercado de produtos florestais para travar o preço da madeira queimada e lançar uma linha de crédito a que pode recorrer quem cumprir o preço mínimo.
“É muito importante saber a evolução das cotações de mercado, […]

Últimas

Municípios com atividade taurina criticam projeto lei do PAN para abolir touradas

[Fonte: Açoriano Oriental]

Os municípios com atividade tauromáquica sustentaram que “impedir ou proibir manifestações culturais é uma violação da Constituição”, a propósito do projeto de lei do PAN que propõe “a abolição de corridas de touros em Portugal”.

A posição destes municípios foi divulgada em véspera do debate, […]