Curso de Iniciação à Prova de Azeites – 2 de Dezembro 2017 – Mirandela

Curso de Iniciação à Prova de Azeites – 2 de Dezembro 2017 – Mirandela

No âmbito do XIII Festival de Sabores do Azeite Novo, a APPITAD – Associação de Produtores em Protecção Integrada de Trás-os-Montes e Alto Douro e a Escola Superior Agrária de Bragança em colaboração com a Câmara Municipal de Mirandela, irão promover no dia 2 de Dezembro um Curso de iniciação à Prova de Azeites, conforme programa que junto anexamos.

Este Curso de Iniciação à Prova de Azeites é destinado ao público em geral, desde produtores a consumidores e tem como objectivo principal a introdução à análise sensorial do azeite, sobretudo no que concerne ao conhecimento dos atributos positivos e negativos que um azeite poderá ter.

As inscrições deverão ser enviadas para o email festivalazeitenovo@gmail.com até ao final do dia 30 de Novembro. O valor da inscrição é 40 euros inclui certificado de participação e almoço.

Comente este artigo
Anterior Vinhos da Quinta Nova voam na First Class da Emirates
Próximo Crisis fruta dulce: “Si no hay medidas a corto plazo, no habrá fruticultores a medio-largo plazo”

Artigos relacionados

Últimas

Investigador. “O Estado recuou demais, debilitou-se, na sua função de gerir a floresta”

[Fonte: Gazeta Rural]

Cardoso Pereira, professor do ISA, diz que o Estado tem perdido a capacidade de intervir na floresta. É resultado da falta de prioridade política dada à prevenção. O dono do fogo é a proteção civil.
José […]

Nacional

Revelados os Vinhos “Alumni UTAD” 2018

[Fonte: Voz do Campo]

A prova de degustação deu-se durante a gala de apresentação na UTAD e onde foram também conhecidos os enólogos que serão responsáveis pela produção de 2019.
Luís Duarte, Paulo Ruão e Manuel Lobo de Vasconcellos apresentaram no passado dia 16 de março, […]

Nacional

Portugal sem incêndios ativos

[Fonte: Açoriano Oriental]

Cerca das 10:00 de hoje não havia nenhum incêndio ativo em Portugal continental, disse à agência Lusa a adjunta de operações da Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC).

“Apesar das 25 ocorrências que já registámos desde a meia-noite não há […]