COVID-19: CAP suspende atendimento aos agricultores

COVID-19: CAP suspende atendimento aos agricultores

A Confederação dos Agricultores de Portugal fecha o atendimento e aconselha as Entidades Receptoras a suspenderem o atendimento presencial aos agricultores por um período de 15 dias.

O conjunto de medidas excecionais para combater a expansão do COVID-19 adoptados em Portugal, só podem produzir efeito se todos as praticarmos.

Dadas às circunstancias, a CAP suspendeu o atendimento presencial aos agricultores durante duas semanas e aconselha as Entidades Receptoras a suspenderem também o atendimento nos próximos quinze dias.

Existe a garantia do Ministério da Agricultura de criar as condições de prazo necessárias à realização das candidaturas, tendo em consideração as circunstâncias que se forem vivendo.

A CAP continua a sua atividade de apoio às Entidades via e-mail e telefone, evitando o contacto pessoal.

Faremos a avaliação da situação semanalmente, adaptando as medidas às restrições que forem existindo.

CAP, 13/03/2020

O artigo foi publicado originalmente em CAP.

Comente este artigo
Anterior INIAV: Receção de Amostras - novo horário
Próximo Ponto de situação do coronavírus e medidas extraordinárias - comunicação da IACA

Artigos relacionados

Nacional

Câmara de Lisboa apresenta hoje plano de defesa da floresta contra incêndios

Em declarações à agência Lusa, o vereador da Proteção Civil, Carlos Castro (PS), explicou que este “é um trabalho que a câmara já […]

Notícias mercados

Indústria agro-alimentar com quebras de 50% nas exportações

O encerramento dos hotéis e restaurantes, “tem impactos brutais nas vendas” da indústria agro-alimentar portuguesa. […]

Últimas

Proposta de financiamento da UE não é adequada nem justa para Portugal, diz António Costa

A proposta de orçamento para a União Europeia tem recebido algumas críticas, nomeadamente do primeiro-ministro português. A Comissão […]