Como tomar decisões sobre culturas de cobertura na vinha?

Como tomar decisões sobre culturas de cobertura na vinha?

Se não teve oportunidade de assistir ao ciclo de conferências Enovitis esta é a oportunidade para ficar a saber quais as opções que Rui Flores, gestor agrícola do Esporão e Paulo Carvalho Pereira, consultor e especialista em botânica sugerem para o investimento em culturas de cobertura na vinha. Rui Flores salienta que as cover crops adaptam-se a qualquer modo de produção e não são uma prática exclusiva da agricultura biológica. Conheça o plano de cobertos vegetais, espontâneos e semeados, os custos de instalação, a assimilação de azoto prevista e os resultados obtidos nestas explorações, com todas as vantagens mas também as desvantagens conhecidas.

Tempo ainda para  ouvir Paulo Carvalho Pereira a explicar a importância das espécies autóctones na agricultura, um património descurado durante décadas e que começa agora a ser valorizado. Ora veja!

O artigo foi publicado originalmente em Vida Rural.

Comente este artigo
Anterior Startup cria biofertilizante nanotecnológico
Próximo A “iniquidade” prevalece na PAC com 20% das explorações agrícolas a receber 80% dos apoios

Artigos relacionados

Nacional

Autorizada caça extraordinária para controlar população de javalis no Alentejo

[Fonte: Rádio Campanário] O ICNF (Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas) autoriza a caça diária de javalis para efeito de controlo das populações da espécie animal, […]

Nacional

Agricultura e Florestas nos Açores com 56 ME no Plano para 2020

A tutela da Agricultura e Florestas nos Açores terá uma dotação de 56 milhões de euros no Plano de Investimentos da Região para 2020, […]

Sugeridas

OE2021: Despesa do Ministério da Agricultura sobe 31,6% para 1,2 mil ME

O Ministério da Agricultura terá quase 1.220 milhões de euros para gastar em 2021, mais 31,6% face à estimativa do ano anterior, foi hoje anunciado. […]