Chuvas de dezembro permitem que barragens do Alentejo recuperem capacidade de armazenamento

Chuvas de dezembro permitem que barragens do Alentejo recuperem capacidade de armazenamento

No final do mês de dezembro, as bacias hidrográficas do Alentejo registaram um aumento no volume armazenado, segundo dados do SNIRH- Sistema Nacional de Informação de Recursos Hídricos. 

Em termos de barragens, na bacia do Sado existem nove albufeiras com menos de metade da sua capacidade de armazenamento, sendo a barragem de Campilhas o caso mais grave, com apenas 8.6% de reserva de água, enquanto Monte da Rocha se fixa nos 10%, Fonte Serne (29.8%), Monte Gato (27.9%), Monte Migueis (25.7%), Odivelas (31.7%), Pego do Altar (25.9%), Roxo (16.4%) e Vale do Gaio (45.2%). Na bacia do Sado apenas Alvito não se encontra em situação preocupante, com 65.1% de armazenamento. 

Quanto ao Guadiana, duas albufeiras apresentam capacidade superior a 50%, sendo Alqueva com 69.2% e Monte Novo 55.6%.

Abrilongo com 43.7% e Enxoé com 48.4% já apresentam capacidade superior aos 40%. Beliche (32.6%) Caia (29%), Lucefecit (37.8%), Odeleite (39.4%) e Vigia (21.8%) são as restantes barragens da bacia do Guadiana que apresentam níveis mais baixos, embora tenham recuperado parte da sua capacidade devido ás chuvas de dezembro.

O artigo foi publicado originalmente em Rádio Campanário .

Comente este artigo
Anterior Tomato Leaf Curl New Delhi Virus (ToLCNDV) - Informação
Próximo Escola Superior Agrária de Coimbra vai realizar duas palestras na área da Agricultura Biológica - 6 de janeiro

Artigos relacionados

Nacional

Ecologistas defendem em Lisboa “posição ativa” de Portugal

A dirigente do Eco Roots Sandra Barbosa, movimento que esta sexta feira à noite organizou uma vigília em Lisboa, defendeu uma “posição ativa” […]

Últimas

Escola Circular: o projecto que permite aquecer escolas de Famalicão com resíduos florestais

Famalicão quer a tornar-se numa cidade “mais ecológica” e “mais sustentável”. E os primeiros passos já estão a ser dados. Desde Setembro de 2018, […]

Eventos

FCUP: INOVDia – Para uma Produção Agroalimentar Inovadora e Sustentável – 14 março – Porto

[Fonte: Faculdade de Ciências da Universidade do Porto]
No âmbito do projeto INOVRural, a FCUP promove um dia dedicado à Investigação e Inovação no setor agrícola, […]