Barragens a sul do Tejo com mínimos históricos

Barragens a sul do Tejo com mínimos históricos

Há dez barragens a sul do Tejo no vermelho com menos de 20% do armazenamento disponível por causa da falta de chuva na primeira quinzena do mês.

Há dez barragens a sul do Tejo no vermelho, com menos de 20% do armazenamento disponível, avança o Correio da Manhã (acesso pago), esta quarta-feira. A situação mais complicada verifica-se em Abrilongo, na bacia hidrográfica do Guadiana, com apenas 2% do armazenamento disponível.

A chuva registada na primeira quinzena de novembro levou a uma melhoria do volume de armazenamento nas barragens no Norte e Centro e retirou as regiões da situação de seca severa ou extrema, não tendo acontecido o mesmo a sul. Nessa última região do país, a chuva não foi assim tanta e a maior parte das barragens acabaram por sofrer uma descida do volume de água.

Neste momento, há dez barragens com menos de 20% do armazenamento, todas localizadas na região do Alentejo, sendo que a situação mais complicada verifica-se em Abrilongo, na bacia hidrográfica do Guadiana, com apenas 2%.

Na mesma bacia, Lucefécit regista 5%, Caia 13% e Vigia 11%. Na bacia do rio Tejo, destaque para Divôr (6%). As outras cinco são na bacia do rio Sado: Monte da Rocha (8%), Pêgo do Altar (11%), Rôxo (17%) e Vale de Gaio (19%).

No total das 59 barragens monitorizadas pelo Sistema Nacional de Informação de Recursos Hídricos, 27 tinham disponibilidades hídricas abaixo dos 40%, menos três do que no final de outubro.

Comente este artigo

O artigo foi publicado originalmente em ECO .

Anterior Marcolino Wines And Oils faz upgrade à sua gama de brancos
Próximo Balanço de Campanha da Maçã - 28 de novembro - Moimenta da Beira

Artigos relacionados

Últimas

Governo e CAP concordam com limites na divisão de terras nas heranças

O limite de divisão de terras nas heranças proposto pelo Governo é visto como uma boa solução pela Confederação dos Agricultores de Portugal. […]

Ofertas

Oferta de estágio profissional – Vila Verde

Estamos neste momento à procura de um/a estagiário/a para a nossa secção de compra e venda. […

Últimas

Apoio à vinha: VITIS tem nova legislação para o período 2019-2023

O IVV — Instituto da Vinha e do Vinho informa que a Portaria nº 220/2019 de 16 de Julho estabelece as normas de execução do regime de apoio à […]