Balanço do programa Limpa e Aduba

Balanço do programa Limpa e Aduba

O Programa Limpa e Aduba (PLA) concluiu recentemente a 3ª campanha desde o seu início em setembro de 2018.

Com o empenho de uma rede de 117 Parceiros, e com a ativa participação dos muitos proprietários e produtores florestais aderentes que se cifram em 3 824, o PLA conta já com uma área intervencionada de 33 021 hectares, incidindo predominantemente em regiões de minifúndio, contribuindo para o aumento dos níveis de gestão da floresta e, em suma, dos espaços rurais.

Em alguns concelhos e freguesias do País, existem já amplas áreas onde se observa uma continuidade da gestão territorial, através de parcelas intervencionadas nas três campanhas do PLA, áreas geridas pela indústria papeleira, espaços agrícolas, e outras formas de ocupação do solo. Este mosaico de áreas geridas cria valor, gera atividade económica e torna os territórios mais resilientes.

Através da ação combinada das limpezas e das adubações levadas a cabo nos povoamentos, a implementação deste Programa tem assim contribuído para

  • REDUÇÃO DO RISCO DE INCÊNDIO
  • MELHORIA DA PRODUTIVIDADE FLORESTAL
  • AUMENTO DO RENDIMENTO DOS PRODUTORES FLORESTAIS
  • DIVULGAÇÃO DE BOAS PRÁTICAS SILVÍCOLAS
  • SUSTENTABILIDADE DA FLORESTA

Neste momento estão abertas as candidaturas para a próxima campanha de adubação, que terá lugar na primavera de 2022, estando já a decorrer as visitas técnicas às parcelas atualmente candidatadas.

O artigo foi publicado originalmente em Melhor Eucalipto.

Comente este artigo
Anterior Ministra da Agricultura confirma participação na cerimónia do setor leiteiro “no coração do leite”
Próximo Anipla e Valorfito levam trabalho da Smart Farm até à Agroglobal

Artigos relacionados

Sugeridas

Toiros de lide vão directamente para o matadouro

Algumas ganadarias já não podem vender toiros para espectáculos porque atingiram a idade máxima para serem lidados. Com o cancelamento das […]

Dossiers

Governo quer fazer da “bazuca” um corta-fogos na floresta

Esta segunda-feira são assinados os contratos de criação de 47 das 60 Áreas Integradas de Gestão da Paisagem para as quais o Governo destina 220 milhões de euros do Plano de Recuperação […]

Comunicados

Estruturas representativas dos agricultores e olivicultores reclamam objetividade

Desinformação prejudica a Agricultura no Alentejo e exemplos de boas práticas. […]