Azeite – União Europeia adota normas do Conselho Oleícola Internacional

Azeite – União Europeia adota normas do Conselho Oleícola Internacional

[Fonte: CAP] A Comissão Europeia atualizou o Regulamento comunitário de 1991 que definia as características físico-químicas e organoléticas dos azeites e dos óleos de bagaço de azeitona e os métodos para as determinar. O novo Regulamento garante a adoção das últimas normas internacionais do Conselho Oleícola Internacional.

O Regulamento (UE) 2019/1604 da Comissão Europeia, de 27 de Setembro, altera o Regulamento (CEE) nº2568/91 relativo às caraterísticas dos azeites e dos óleos de bagaço de azeitona, bem como os métodos de análise relacionados.

Esses métodos, assim como os valores-limite das características dos azeites e dos óleos de bagaço de azeitona, são atualizados regularmente com base no parecer dos peritos químicos e em consonância com os trabalhos realizados no âmbito do Conselho Oleícola Internacional (COI).

Para garantir que são aplicadas na União Europeia as últimas normas internacionais do COI, é necessário atualizar determinados métodos de análise estabelecidos no Regulamento (CEE) nº2568/91. 

Numa perspetiva de coerência com os valores de precisão do método analítico, a norma do COI sofreu alterações no tocante à expressão do limite da acidez livre, do índice de peróxidos, da avaliação organolética (mediana dos defeitos e mediana do atributo «frutado») e da diferença entre o NCE42 determinado por HPLC e o NCE42 obtido por cálculo teórico.

Cabe aos Estados-membros verificar se as amostras de azeite correspondem à categoria declarada.


Comente este artigo
Anterior Building Sustainable Agriculture Through Technology
Próximo Madeira: Museu do Vinho e da Vinha comemora 14 anos

Artigos relacionados

Dossiers

Se reduce la oferta de corderos y los precios repuntan


Cambio de tendencia en el mercado de los corderos al sumarse subidas en las cotizaciones después de varias semanas repitiendo. […]

Últimas

CAPOLIB atribuiu subsídios aos criadores de pequenos ruminantes

A Cooperativa Agrícola de Boticas (CAPOLIB) procedeu à entrega das compensações financeiras aos criadores de pequenos ruminantes (caprinos e ovinos) do Concelho. […]

Nacional

Covid-19: FAO estima precisar de 320 milhões de euros para evitar fome severa

Organização das Nações Unidas recorda que se os agricultores não tiverem acesso aos campos ou não conseguirem comprar sementes ou alimento […]