Águas residuais tratadas são opção para a agricultura

Águas residuais tratadas são opção para a agricultura

[Fonte: Vida Rural]

O uso de águas residuais tratadas na agricultura é uma opção que reduz a pressão sobre os recursos hídricos superficiais e os aquíferos e que está a ser estudada em vários países onde a disponibilidade de água para rega é um fator limitante.

A Federação Nacional de Regantes (FENAREG) é um dos 20 parceiros de um consórcio de investigação aplicada – SuWaNu Europe – que visa impulsionar a inovação e a transferência de conhecimento na Europa sobre reutilização segura e económica de águas residuais tratadas em agricultura. O projeto SuWaNu Europe destina-se a colmatar as atuais lacunas de inovação e a alcançar uma implementação eficaz das soluções de reutilização de águas residuais tratadas na agricultura. Dá seguimento aos resultados de um projeto anterior da União Europeia, denominado SuWaNu, que decorreu em 5 países-alvo: Malta, Espanha, Alemanha, Grécia e Bulgária.

Uma das tecnologias desenvolvidas – Treat and Use – permite o tratamento de águas residuais urbanas tornando-as aptas para rega de pomares e culturas hortícolas, com recuperação de nutrientes a aplicar nos campos agrícolas.

A primeira reunião deste projeto europeu decorreu nos dias 17 e 18 de janeiro, em Málaga, Espanha e envolveu os parceiros do consórcio como universidades, confederações de agricultores, federações de regantes – FENAREG e FENACORE –, associações de reutilização e empresas privadas de Portugal, Espanha, Itália, Grécia, Alemanha, Bélgica, Bulgária, Chipre e Israel.

O objetivo do projeto é definir estratégias a nível regional para impulsionar a inovação nos setores agrícola e hídrico. O projeto SuWaNu Europe com um orçamento de 2M€, financiado pelo programa H2020, teve início a 1 de janeiro de 2019 e será desenvolvido ao longo de dois anos e meio.

“Considerando que cerca de 70% da água doce utilizada no Planeta é necessária para produzir alimentos, torna-se estratégico encontrar fontes alterativas que assegurem a sustentabilidade da agricultura de regadio”, explica a Fenareg em comunicado de imprensa.

Comente este artigo

O artigo Águas residuais tratadas são opção para a agricultura foi publicado originalmente em Vida Rural

Anterior Marcos: “la PAC la tienen que cobrar aquellos que realmente se la juegan en el campo”
Próximo PDR 2020: Agricultores menos dados a investir em 2018

Artigos relacionados

Nacional

Congresso Mundial da Vinha e do Vinho – 15 a 19 julho – Suiça

[Fonte: Voz do Campo]
O 42º Congresso Mundial da Vinha e do Vinho e a 17ª Assembleia Geral da Organização Internacional da Vinha e do Vinho (OIV) realizar-se-ão de 15 a 19 de julho de 2019 no Centro Internacional de Conferências de Genebra (CICG) na Suíça. […]

Últimas

Investimento: África terá de ser mais do que Angola e Moçambique 

[Fonte: Dinheiro Vivo – empresas]
Quando um empresário português começa a estudar o mercado africano para fazer investimentos, os primeiros dois destinos em que pensa são, inevitavelmente, Angola e Moçambique. Porque existe uma relação histórica e porque a língua é a mesma. […]

Nacional

Segurança e nutrição animal, e sustentabilidade serão os pilares do setor no futuro

[Fonte: Vida Rural]
No ano em que a IACA comemora 50 anos, fomos falar com o presidente da associação sobre os desafios e constrangimentos da indústria da alimentação animal, e também da fileira. José Romão Braz enaltece a capacidade dos agricultores mundiais em produzir cada vez mais com menos recursos, […]