Agrofood Portuguese Cluster: uma novidade e uma incógnita -Editorial Teresa Silveira + Suplemento Agrovida

Agrofood Portuguese Cluster: uma novidade e uma incógnita -Editorial Teresa Silveira + Suplemento Agrovida

Revelamos hoje, aqui, em primeira mão que o pólo de competitividade Portugal Foods, os clusters InovCluster e AgroCluster e a associação Portugal Fresh avançaram com um projeto comum junto do IAPMEI para a constituição de um novo projeto de reorganização associativa das empresas do setor agroindustrial português.

A nova estrutura – Agrofood Portuguese Cluster -, que aguarda a todo o momento o reconhecimento por parte do Governo, envolve toda a cadeia de valor, desde a produção primária à indústria alimentar, assim como as estruturas do sistema científico e tecnológico nacional.

Há neste processo pelo menos uma novidade e uma incógnita.

A novidade prende-se com o envolvimento, pela primeira vez, das empresas do setor primário numa estrutura de eficiência coletiva, o que não tinha sido precavido em 2009 aquando da criação dos primeiros pólos e clusters em Portugal. Isto, muito embora a Portugal Fresh tenha vindo suprir em parte essa lacuna, quando, em 2010, se propôs dinamizar, internacionalizar e conquistar mercados externos para as frutas, legumes e flores de Portugal.

A incógnita está em saber se essa nova EEC denominada Agrofood Portuguese Cluster vai ser um mero somatório de orçamentos, apoios comunitários, recursos humanos, técnicos e das instalações das quatro estruturas agregadas ao novo cluster ou se, pelo contrário, daí sairá uma estrutura robusta, reforçada, capaz de fazer ouvir a sua voz cá fora e de criar muito mais valor, eficiência e capacidade interventiva, nomeadamente até na definição das políticas para o setor.

Aguardamos.

→Descarrregue aqui o suplemento  AGROVIDA- Novembro-2016 do Jornal Vida Económica←

Comente este artigo
Anterior Seminário "Florestas e baldios: perspetivas futuras" - 5 de Novembro - Coimbra
Próximo Porque é preciso alargar Alqueva - José Pedro Salema

Artigos relacionados

Últimas

Coruche – Observatório do Sobreiro e da Cortiça acolheu debate sobre Desenvolvimento Sustentável nas Comunidades Rurais

Com o objetivo de divulgar o Projeto RUSDELA e estimular o interesse sobre sustentabilidade, inovação social e economia verde junto dos intervenientes das comunidades, […]

Nacional

Guerra comercial inflaciona preço das maçãs na China

[Fonte: O Jornal Económico]

O preço das maçãs na China subiu quase 30% desde o inicio do mês de junho. […]

Últimas

“Agentes” turísticos da região reuniram-se hoje para inaugurar Feira do Queijo de Tábua


Luís Carregã

O Município de Tábua inaugurou, esta manhã, a sua 28.ª edição da Feira do Queijo. “O melhor do que se produz em Tábua e na região Centro” […]