Agricultura 4.0 e Sustentabilidade do Setor Vitivinícola debatidas em Evento Europeu

Agricultura 4.0 e Sustentabilidade do Setor Vitivinícola debatidas em Evento Europeu

Agricultura 4.0 – Promoção da Sustentabilidade para o Setor Europeu do Vinho foi o tema debatido no passado dia 16 de junho no evento europeu promovido pela ADVID, através do CoLAB VINES&WINES, no âmbito da Presidência Portuguesa do Conselho da União Europeia.

O Evento contou com a presença da Ministra da Agricultura, Maria do Céu Antunes, e do Ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Manuel Heitor. Com mais de 300 inscritos, o debate incidiu sobre os últimos avanços da agricultura digital e a sua contribuição para uma vitivinicultura sustentável.

Este evento foi organizado através de sessões de apresentação de projetos inovadores, numa perspetiva de partilha de conhecimento e experiência prática, seguidas de mesas redondas em que o tema foi debatido. Assim, a primeira sessão, que teve como tema os “Últimos avanços na resposta aos desafios do setor vitivinícola – no encalço da resiliência”, foi moderada por Ricardo Braga, do Instituto Superior de Agronomia, e incluiu uma mesa redonda na qual participaram Jorge Dias, Diretor Geral da Gran Cruz, António Marquez Filipe, COO da Symington Family Estates, Miguel Pessanha, COO e Membro do Conselho de Administração da Sogrape Vinhos e João Roquette, CEO do Esporão.

No período da tarde decorreu a sessão de apresentação com o tema “Agricultura 4.0 – Promover a rentabilidade através da conservação e restauração de ecossistemas”, moderada por Mario de la Fuente, Diretor da Plataforma Tecnológica del Vino, seguindo-se a mesa redonda com o tema “Sustentabilidade através da agricultura 4.0: O maior desafio do setor vitivinícola europeu?”, moderada por Frederico Falcão, Presidente da Direção da ViniPortugal. Neste debate participaram João Onofre, Chefe da Unidade de Vinhos, espirituosos e culturas hortícolas na Direção-Geral da Agricultura e Desenvolvimento Rural (DG AGRI), José Carlos Caldeira, Administrador do INESC TEC, Ignacio Sánchez Recarte, Secretário-Geral do Comité Européen des Entreprises Vins (CEEV) e Emídio Gomes, Reitor da Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (UTAD).

O evento contou ainda com a sessão de lançamento da ADVIDclim, apresentada por José Manso, Presidente da Direção da ADVID. De livre acesso, é uma ferramenta de apoio à decisão no setor vitivinícola, permitindo analisar 11 parâmetros climáticos, para três períodos temporais sob três cenários de gases de estufa, em Portugal Continental. Trata-se de uma plataforma de projeções climáticas “útil para o setor, já que auxilia, por exemplo, na escolha do tipo de encepamentos e na realização de práticas culturais com vista à gestão do stress hídrico e térmico da videira”.

A elevada adesão e a interação entre os participantes são prova do interesse e atualidade do tema para o setor vitivinícola e a sua sustentabilidade.

O vídeo do evento já se encontra disponível na página de Youtube da ADVID.

ORADORES DAS SESSÕES  

O evento Agricultura 4.0 – Promoção da Sustentabilidade para o Setor Europeu do Vinho contou com a participação de várias individualidades:

A Sessão 1, moderada por Ricardo Braga (Instituto Superior de Agronomia) contou com a participação de Sigfredo Fuentes (Universidade de Melbourne), Waldir Júnior (Fraunhofer Portugal AICOS), Marisa Rio (Fraunhofer Portugal AWAM), Fernando Alves (Symington Family Estates), Francisco Rovira Más (Laboratório de Robótica Agrícola, Universidade Politécnica de Valência), Filipe Santos (INESC TEC), Natacha Fontes (Sogrape Vinhos S.A.), Jorge Dias (Gran Cruz), António Marquez Filipe (Symington Family Estates), Miguel Pessanha (Sogrape Vinhos S.A.) e João Roquette (Esporão).

Conduzida por Mario de la Fuente (Plataforma Tecnológica del Vino), a Sessão 2 teve a participação de Sara Legler ([email protected], Universidade Católica do Sagrado Coração), Constance Demestihas (Comité Interprofissional do Vinho de Champagne), António Graça (Sogrape Vinhos S.A.), Rui Figueira (GBIF) e Elisa González-Domínguez ([email protected], Universidade Católica do Sagrado Coração).

Na mesa redonda da Sessão 3, dinamizada por Frederico Falcão (ViniPortugal), estiveram João Onofre (Direção-Geral da Agricultura e Desenvolvimento Rural – DG AGRI), José Carlos Caldeira (INESC TEC), Ignacio Sánchez Recarte (Comité Européen des Entreprises Vins – CEEV) e Emídio Gomes (Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro)

Comente este artigo
Anterior REN entrega viaturas a nove corporações de bombeiros
Próximo Ministério da Agricultura reforça apoio à promoção do setor vinícola em 4 ME

Artigos relacionados

Últimas

Estamos a vender mais vinho… e mais caro

As exportações nacionais de vinho cresceram, entre janeiro e julho de 2019, cerca de 2,5% em valor e 5% em preço médio. […]

Nacional

Dez Centros de Competências marcam presença conjunta na Feira Nacional de Agricultura

Cientes de que a inovação constitui, reconhecidamente, um dos principais desafios da agricultura e da floresta portuguesa para as próximas décadas, […]

Comunicados

IPN: Coolfarm vence prémio Startup do Ano 2017

Startup incubada no Instituto Pedro Nunes foi distinguida no Ativar Portugal Startups, uma iniciativa promovida pela Microsoft Portugal.
A Coolfarm, […]