ADACO: Reunião com lesados pelas cheias de Dezembro – 31 de janeiro – Montemor-o-Velho

ADACO: Reunião com lesados pelas cheias de Dezembro – 31 de janeiro – Montemor-o-Velho

Agricultoras e Agricultores:

Medidas já anunciadas pelo Governo são insuficientes e, por isso mesmo, deve haver mais verbas no Orçamento do Estado para 2020 e anos seguintes.

Por mais apoios para os Agricultores afectados pelas Cheias de Dezembro de 2019.

“Plano de Acção Mondego Mais Seguro” fica (muito) aquém das necessidades!

– O anunciado “Plano de Acção Mondego Mais Seguro”, a executar pelo Ministério do Ambiente, apenas prevê cerca de 30 milhões de euros até ao ano de 2023. Ora, para reparar, reavaliar e fazer avançar a Obra do Mondego, nos próximos três anos, calcula-se que seja necessária uma verba três vezes maior. Portanto, na ordem dos 90 milhões de euros.

No que toca à eventual alteração do modelo de gestão da água do Mondego, rejeita-se a passagem, para os Agricultores, da responsabilidade pelos canais principais de rega.

E rejeita-se qualquer tentativa de aumento do custo da água para a Agricultura.

Vamos reunir e reclamar ao Governo mais apoios pelos prejuízos!

Compareça – Sexta-Feira – 31 de Janeiro – 18h30

na Sede da União de Freguesias de Montemor-o-Velho e Gatões.

Comente este artigo
Anterior Floricultura nacional em destaque na IPM Essen
Próximo Como em 10 horas a comunidade juntou os 50 mil euros que faltavam para “Reflorestar Belver”

Artigos relacionados

Dossiers

GNR conta com mais de 150 novos guardas florestais a partir desta semana

155 guardas florestais terminaram a sua formação na Escola da Guarda, em Queluz, e iniciam funções na segunda-feira, anuncia MAI. […]

Eventos

Inseminação Artificial com Sémen Refrigerado em Ovinos – 29 de maio – Santarém

Jornada de Transferência do Conhecimento Científico e Tecnológico […]

Nacional

As memórias da natureza

Como muitos “documentários de paisagem”, o filme de Ian Soroka debate-se com uma pergunta: até que ponto é que a natureza pode “falar” […]