2021 regista o menor número de incêndios desde 2011

2021 regista o menor número de incêndios desde 2011

O ano de 2021 regista o menor número de incêndios desde 2011 e o segundo menor da década no que diz respeito à área ardida, de acordo com os dados provisórios até 15 de outubro.

Segundo os dados do Sistema de Gestão de Informação dos Incêndios Florestais (SGIF), em 2021 registaram-se 7.610 incêndios rurais – o menor número de incêndios rurais no mesmo intervalo de tempo desde 2011 e uma redução de 54% face à média anual da década (16.644).

Os 7.610 incêndios resultaram em 27.118 hectares de área ardida, correspondendo a menos 79% de área ardida relativamente à média anual (128.976 hectares) do período 2011-2021 entre janeiro e 15 de outubro, sendo este o segundo melhor ano da década neste aspeto. A área de povoamentos ardida em 2021 é a mais baixa desde 2011, registo que também se verifica na área agrícola ardida. Já a área de matos ardida em 2021 é a segunda mais baixa da década.

Os resultados destes dois indicadores confirmam a tendência de redução registada nos últimos quatros anos:
– 7.610 incêndios em 2021; 9.182 em 2020; 10.528 em 2019; 11.450 incêndios em 2018.
– 27.118 hectares de área ardida em 2021; 65.823 em 2020; 41.850 em 2019; 44.078 em 2018.

Entre 2018 e 2021 registaram-se assim 4 dos 5 anos melhores anos da década no que diz respeito ao número de ocorrências e também no que concerne ao total de área ardida.

Quanto à dimensão dos incêndios rurais registados em 2021, importa salientar que 83% tiveram uma área ardida inferior a 1 hectare, registando-se 30 ocorrências com uma área ardida igual ou superior a 100 hectares – e apenas dois com área ardida igual ou superior a 1.000 hectares.

Já a percentagem de incêndios dominados no ataque inicial (primeiros 90 minutos da ocorrência) situa-se neste momento acima dos 92%, indicador que demonstra a adequação do DECIR e o trabalho de todos os agentes de proteção civil envolvidos no combate aos incêndios rurais.

Comunicado enviado pelo Ministério da Admnistração Interna.

Comente este artigo
Anterior Exportações de vinho verde aumentam dez por cento em um ano
Próximo Associação pede a Bruxelas avaliação dos impactos da estratégia do Prado ao Prato

Artigos relacionados

Eventos

Concentração em Góis – 2 de Maio 2018 – Góis

Perante a insatisfação provocada pelas curtas ajudas recebidas e perante situações adiadas e ainda não esclarecidas como, por exemplo, com a recuperação das Habitações ardidas, […]

Comunicados

Câmara Municipal de Alcácer do Sal critica passividade do Ministério do Ambiente

[Fonte: Câmara Municipal de Alcácer do Sal]
Em busca de alternativas em períodos de seca
O presidente da Câmara Municipal de Alcácer do Sal, […]

Últimas

INVESTIGAR ICAAM – Cooperação Europa-África – 14 de Fevereiro 2018 – Évora

O ICAAM, Instituto de Ciências Agrárias e Ambientais Mediterrânicas está organizar uma conferência sobre Cooperação Europa-África, no dia 14 de Fevereiro, às 14:00 na Sala de Conferências do Pólo da Mitra na Universidade de Évora.