Boletim climatológico agosto

Boletim climatológico agosto

Boletim climatológico agosto

Classificação do mês2019-09-04 (IPMA)

No mês de agosto de 2019 em Portugal continental o valor médio da:

  • temperatura média do ar, 22.53 °C, foi 0.38 °C superior ao valor normal.
  • temperatura máxima do ar, 29.70 °C, foi 0.90 °C superior ao valor normal
  • temperatura mínima do ar, 15.36 °C, foi 0.14 °C inferior ao valor normal.

Na primeira quinzena do mês de agosto, considerando a média para Portugal continental os valores de temperatura do ar foram, em regra, inferiores ao valor médio. De destacar os valores de temperatura mínima, no período de 11 a 14, e da temperatura máxima, no período de 7 a 11, que estiveram muito abaixo do normal (inferiores ao percentil 10 em alguns locais, sobretudo das regiões do norte e centro do país). Na segunda quinzena registaram-se valores superiores ao valor médio, ainda que com acentuadas variações diárias. Nos períodos de 15 a 17, 20 a 24 e 29 a 31, foram registados valores de temperatura do ar, em especial da máxima, acima do normal, nos restantes dias os valores estiveram abaixo do normal. A descida de temperatura, verificada nos dias 18/19 e 25/26, contribuiu para que no mês de agosto de 2019, não se tenham verificado períodos prolongados (superiores a 5 dias) de tempo excecionalmente quente, como se registou nos 3 anos anteriores (2016, 2017 e 2018).

O valor médio da quantidade de precipitação em agosto, 16.2 mm, corresponde a cerca de 118 % (+2.5 mm) do valor normal mensal. Valores superiores ocorreram em cerca de 28% dos anos desde 1931. De referir que apesar do valor total no país ter sido superior ao normal, verificou-se uma forte variabilidade espacial na sua distribuição. Em alguns locais das regiões do noroeste e litoral norte, no dia 8, e interior das regiões centro e sul, nos dias 25 e 26, verificaram-se valores diários de precipitação superiores a 20 mm. Por outro lado, em grande parte do Alentejo litoral e no Algarve não foi registada precipitação.

Em relação a julho verificou-se uma diminuição dos valores de percentagem de água no solo em quase todo o território e um aumento da percentagem de território com valores iguais ou próximos ao ponto de emurchecimento permanente.

De acordo com o índice PDSI, em relação ao final de julho, mantém-se a situação de seca meteorológica no final de agosto, verificando-se ligeiro desagravamento em alguns locais das regiões do norte e centro. Deste modo, no final de agosto, a distribuição percentual por classes do índice de seca no território é a seguinte: 1.2 % normal, 34.3 % seca fraca, 29.6 % seca moderada, 22.9 % seca severa e 12 % seca extrema.

O artigo foi publicado originalmente em IPMA.

Veja a previsão do tempo e a melhor altura para pulverizar na nossa página de Meteorologia powered by Syngenta.

Comente este artigo
Anterior Portugal manteve situação de seca em agosto
Próximo Carne e peixe têm primazia no prato, mas a maioria já come uma refeição vegetal por semana

Artigos relacionados

Dossiers

Previsão para a semana 03 – 09 Maio

A previsão para a semana aponta para a presença de uma circulação de oeste com influencia de perturbações a norte da península. […]

Dossiers

Previsão semanal 22-28 Dezembro

Previsão semanal 22-28 Dezembro.
A previsão semanal para 22-28 Dezembro aponta  para o predomínio da influencia de um anticiclone em conjunto com a presença de perturbações sobre o Atlântico. […]

Notícias meteorologia

Previsão trimestral Inverno 2019/20 – Dezembro, Janeiro, Fevereiro

– Previsão trimestral –
A previsão trimestral para Dezembro, Janeiro e Fevereiro apontam para que as condições de circulação atmosférica e oceânicas serão dominadas pela presença de um regime anormalmente quente no Ártico;  […]