Perito em análise de incêndios acusa legislador de falta de coragem para ordenar floresta

Lisboa, 16 jul (Lusa) — Os fogos florestais vão continuar a ser um problema enquanto faltar coragem ao legislador para aplicar o conceito de “condomínio florestal”, para uma gestão conjunta da floresta, considera um perito da Comissão Técnica Independente de análise aos incêndios na região Centro.

Comente este artigo
Anterior Incêndios: a comissão técnica que só o PSD parece desejar
Próximo Os interfaces entre a tecnologia e o território: uma segunda ruralidade?

Artigos relacionados

Nacional

20.ª Visita Vitivinícola da Associação Portuguesa de Horticultura – 25 a 27 de outubro – Alentejo

[Fonte: Agricultura e Mar]
A 20.ª Visita Vitivinícola da Associação Portuguesa de Horticultura (APH) realiza-se nos próximos dias 25, 26 e 27 de Outubro de 2019.
Este ano a Visita Vitivinícola da APH volta ao Alentejo para dar a conhecer ou revisitar uma das regiões líderes na produção de vinho em Portugal e uma das mais dinâmicas no panorama da agricultura nacional. […]

Sugeridas

Comendador Santos Gomes reeleito Presidente da CONFAGRI

No ato eleitoral hoje realizado na Sede da Confederação, Palácio de Benagazil, em Lisboa, o Comendador Santos Gomes foi reeleito Presidente da Confederação, para o Mandato 2018 a 2021.
Os 101 Delegados à Assembleia Geral elegeram para a Administração da CONFAGRI uma lista composta pelos oito Presidentes das Federações membros da CONFAGRI : FENALAC; […]

Nacional

Sessão de esclarecimento em Vagos sobre apoios para diversificação de actividades na exploração agrícola

[Fonte: Revista Frutas Legumes e Flores]
A Biblioteca Municipal de Vagos recebe, a 6 de Junho, pelas 17h00, uma sessão de esclarecimento sobre a apresentação de candidaturas à tipologia de apoio “Diversificação de actividades na exploração agrícola” e sobre o Serviço de Apoio Agrícola. […]