PCP avisa que “incêndios não se apagam com gasolina”

Lisboa, 13 jul (Lusa) — O líder do PCP admitiu hoje que o Governo do PS “decidirá quem é que quer ter como parceiro” na reforma florestal, mas avisou que nem PSD nem CDS têm “soluções boas para a floresta”.

Comente este artigo
Anterior Governo: Miguel Freitas assume florestas numa altura em que pasta domina agenda política
Próximo Ana Teresa Lehmann sai da InvestPorto para nortear a Indústria

Artigos relacionados

Últimas

A importância da “vida social” das plantas para a gestão e conservação da biodiversidade

Um estudo inovador realizado por uma equipa de investigadores do Centro de Ecologia Funcional (CFE) da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra (FCTUC), em colaboração com o Real Jardim Botânico de Madrid (Espanha), mostra que a “vida social” das plantas pode ser importante para a gestão e conservação da biodiversidade. […]

Últimas

Negociações UE- Mercosul “Encalhada”

Decorre em Assunção, capital do Paraguai, uma nova ronda de negociações entre a União Europeia (UE) e o Mercosul, com a finalidade de ser conseguido um Acordo de Associação entre os dois blocos regionais.
As negociações têm avançado em vários dossiers, mas de momento encontram-se “encalhadas” nos aspetos mais difíceis, […]

Sugeridas

Programa Simplex+ 2019 cria “Balcão Único da Vinha”

[Fonte: Revista Frutas Legumes e Flores]
A Comissão de Modernização Administrativa anunciou que o Programa Simplex+ 2019 irá contemplar a criação de uma medida para o sector agrícola, denominada “Balcão Único da Vinha”
A notícia é avançada pela Confederação dos Agricultores de Portugal, […]