Marcelo promulga diploma sobre benefícios para entidades de gestão florestal

Marcelo promulga diploma sobre benefícios para entidades de gestão florestal

[Fonte: Jornal De Negócios]

De acordo com a página da Presidência na internet, o diploma promulgado pelo Presidente da República altera o Estatuto dos Benefícios Fiscais e o Regulamento Emolumentar dos Registos e Notariado.

A maioria dos artigos do diploma sobre a criação de benefícios fiscais para entidades de gestão florestal foi aprovada a 24 de Outubro na comissão parlamentar de Agricultura, com a introdução de alterações propostas pelo BE, PS, PSD e CDS-PP.

O diploma entrará em vigor em Janeiro de 2018.

Em relação ao Estatuto dos Benefícios Fiscais (EBF), o diploma propõe a isenção de IRC [Imposto sobre o Rendimento das Pessoas Colectivas] aos rendimentos obtidos no âmbito da gestão de recursos florestais por Entidades de Gestão Florestal (EGF) reconhecidas, a isenção de imposto do selo às aquisições onerosas de prédios rústicos destinados à exploração florestal, a isenção de imposto municipal sobre as transmissões onerosas de imóveis, quando os municípios assim o deliberem, entre outros apoios.

Além destes benefícios fiscais, é defendida “uma majoração dos custos suportados com despesas com operações de defesa da floresta contra incêndios, ou com a elaboração de planos de gestão florestal”, de forma a incentivar os comportamentos dos proprietários florestais no que respeita à prevenção dos incêndios e à realização de uma gestão florestal sustentável.

Comente este artigo

O artigo Marcelo promulga diploma sobre benefícios para entidades de gestão florestal foi publicado originalmente em Jornal De Negócios

Anterior Empreendedor de Setúbal faz reedição moderna do Licor de Laranja
Próximo WWF: Falta estrutura profissional de prevenção e combate aos incêndios florestais

Artigos relacionados

Nacional

Dia Mundial das Zonas Húmidas assinalado em todo o arquipélago

[Fonte: Açoriano Oriental]

O Governo Regional, visando associar-se às comemorações do Dia Mundial das Zonas Húmidas, promove, a 2 e 3 de fevereiro, em todo o arquipélago, a realização de um conjunto alargado de atividades de sensibilização e educação ambiental.

Refere uma nota de imprensa do gabinete de comunicação do executivo açoriano que Junta Regional dos Açores do Corpo Nacional de Escutas vai integrar estas comemorações, […]

Nacional

Área plantada de eucalipto vai ser reduzida nos próximos 5 anos

[Fonte: Agricultura e Mar]
O Governo chegou a acordo com os vários partidos políticos para a Reforma da Floresta, nomeadamente com o Bloco de Esquerda (BE) no que diz respeito ao “polémico” eucalipto, que vai ter a área de plantação reduzida nos próximos cinco anos. […]

Nacional

Madeira: Terrenos abandonados e falta de limpeza preocupam bombeiros

[Fonte: Jornal económico]
O excesso de material combustível na floresta e os terrenos agrícolas abandonados na ilha potenciam os incêndios e dificultam o combate aos fogos. Esta é a opinião unânime de comandantes de seis corporações de bombeiros voluntários da Madeira, […]