Mais de 61 mil hectares de área ardida até 30 de junho

Os incêndios florestais consumiram 61.624 hectares nos primeiros seis meses do ano e 2017 foi considerado o ano com maior área ardida desde 2007 e o quinto ano com mais ocorrências desde essa data, comparando com os períodos homólogos.

Comente este artigo
Anterior Las bodegas pretenden doblar su exportación hasta 5.000 millones en 2025
Próximo Mais de 61 mil hectares de área ardida até 30 de junho

Artigos relacionados

Últimas

Gisele Bündchen responde a ministra de Bolsonaro: “Mau brasileiro é quem está a desflorestar a Amazónia”

[Fonte: Rádio Renascença]

Esta quinta-feira tornou-se pública a carta que Gisele Bündchen enviou à ministra da Agricultura de Bolsonaro. Segundo Tereza Cristina, recorde-se, a modelo “é uma má brasileira”, pois, enquanto embaixadora da ONU para o Meio Ambiente, não deveria criticar as más práticas ambientais do seu país, […]

Últimas

Setor Agroalimentar. Portugal assina protocolo com China para agilizar processos de internacionalização

[Fonte: Observador]

O Governo assinou esta terça-feira um protocolo para o reforço da cooperação com a China, que tem como objetivos a harmonização de procedimentos e a agilização dos processos de internacionalização, foi anunciado.
“Depois de ter aberto o mercado da China para a carne de suíno nacional, […]

Últimas

Incêndio no Fundão já foi dominado

[Fonte: Expresso]

O incêndio que deflagrou este sábado, ao início da tarde, no Fundão foi dado como dominado, informou fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Castelo Branco.
O incêndio, que começou às 13h48, na localidade de Quinta da Esparrela, […]