IPMA envolvido em projeto de comportamento extremo de fogo

IPMA envolvido em projeto de comportamento extremo de fogo

IPMA envolvido em projeto de comportamento extremo de fogo

fogo2019-02-13 (IPMA)

No passado dia 5 de fevereiro de 2019 teve lugar nas instalações da Associação para o desenvolvimento da Aerodinâmica Industrial (ADAI), em Coimbra, a reunião de kick-off do projeto FIRESTORM, em que o IPMA participa.

Os objetivos do projeto passam por caracterizar e modelar o comportamento extremo do fogo, a interação entre a atmosfera e o fogo, bem como a emissão e dispersão de fumo em incêndios.

O projeto FIRESTORM tem uma duração de 3 anos e é financiado pela Fundação para a Ciência e Tecnologia (FCT), contando, além do IPMA e da ADAI (líder do projeto), com a participação da Universidade de Aveiro (UA) e do Instituto de Engenharia Mecânica (IDMEC).

Siga-nos no:

O artigo foi publicado originalmente em IPMA.

Veja a previsão do tempo e a melhor altura para pulverizar na nossa página de Meteorologia powered by Syngenta.

Comente este artigo
Anterior Reveladas as 10 principais tendências do setor agroalimentar para 2019
Próximo Lusoflora . Competitividade da Horticultura Ornamental

Artigos relacionados

Nacional

Produção de maçã cai 20% na produção. Menos de 300 mil toneladas

A produção nas pomóideas diminuiu na actual campanha, diz o Boletim Mensal da Agricultura e Pescas – Outubro de 2020, do Instituto Nacional de Estatística (INE). […]

Notícias emprego

Covid-19: Governo admite recorrer a trabalhadores em ‘lay-off’ para agricultura

A ministra da Agricultura assegurou hoje que o Governo está empenhado na atualização das medidas excecionais, e adiantou que os trabalhadores […]

Dossiers

Oferta de emprego – Engenheiro Agrónomo – Espanha

A LabFerrer procura agrónomo português com experiência em sensores e instrumentos de medição.