Inteligência artificial ao serviço do combate a incêndios

Inteligência artificial ao serviço do combate a incêndios

[Fonte: O Jornal Económico]

A solução Bee2FireDetection recorre a inteligência artificial para detecção de fogos.

A Bee2FireDirection é uma solução da empresa portuguesa Compta que, contando com o apoio da plataforma Watson da IBM, permite detectar incêndios praticamente em tempo real e prever o nível de risco de ocorrência.

A Bee2FireDetection recorre à Inteligência Artificial, aos espectrómetros, a diferentes câmaras de vigilância por vídeo digital e à termografia para detectar incêndios florestais.

As imagens recolhidas são analisadas pela IBM Watson Visual Recognition, através de diferentes algoritmos de leitura, permitindo que o sistema detecte qualquer sinal de incêndio, uma área de fumo, um aumento de temperatura ou mudança de luz, e lance o alerta praticamente em tempo real.

A IA da IBM permite que a Bee2FireDetection seja uma ferramenta bastante útil em situações em que o incêndio já está activo.

Aproveitando a funcionalidade do Watson e da análise de dados meteorológicos e ambientais, a Bee2FireDirection consegue estimar de que modo o fogo pode evoluir no solo, uma vez que o sistema consegue calcular a velocidade e a direcção que as chamas podem alcançar.

A Bee2FireDetection junta-se a outros projectos da IBM, como é o caso do projecto Code and Response, através do qual a empresa promove o desenvolvimento de novas soluções tecnológicas que ajudem a dar resposta a alguns dos maiores problemas mundiais.

Comente este artigo

O artigo foi publicado originalmente em O Jornal Económico.

Anterior Acordo UE-Mercosul: “Certezas a 100% são impossíveis”
Próximo Mais de 70% do que ardeu em Vila de Rei e Mação era floresta que estava a regenerar

Artigos relacionados

Nacional

Mudança radical nas equipas da Administração Interna e do Ambiente

António Costa, que apresenta esta segunda-feira a lista de secretários de Estado ao Presidente da República, prepara-se para fazer uma revolução nos ministérios da Administração Interna (MAI), […]

Nacional

Jungheinrich Portugal planta 200 árvores e promove a redução do CO2

A Jungheinrich Portugal levou a cabo, no final do ano, uma acção de reflorestação na Tapada do Saldanha, no Parque Natural de Sintra-Cascais, […]

Últimas

“Cabras sapadoras” acusadas de destruir pomares e culturas

Vários proprietários têm-se queixado de estragos feitos em pomares e terrenos por “cabras sapadoras”. O Instituto de Conservação da Natureza e das Florestas, […]