Guerra comercial inflaciona preço das maçãs na China

Guerra comercial inflaciona preço das maçãs na China

[Fonte: O Jornal Económico]

O preço das maçãs na China subiu quase 30% desde o inicio do mês de junho. Este é apenas mais um exemplo do aumento de preços no setor alimentar devido à guerra comercial com os Estados Unidos, revela o canal televisivo “CNBC”, esta quinta-feira.

Segundo a plataforma de e-commerce chinesa Dada-JD Daojia, as vendas de fruta naquele país estão em queda. No final do mês de abril, meio quilo de maçãs custava cerca de 11.81 yuan (1,50 euros). Agora o preço aumentou, situando-se nos 15,19 yuans (1,93 euros).

Como resultado desta subida, entre abril e o início de junho, as vendas de maçãs no site caíram 5,7% em relação ao mesmo período do ano passado. A “CNBC” informa também que o ministério do comércio da China já emitiu um comunicado que garante que este aumento nos preços será apenas temporário.

De acordo com os dados do governo de Xi Jinping, divulgados esta quarta-feira, o índice de preços ao consumidor subiu em maio 2,7%, o maior aumento em mais de um ano, impulsionado pelo acréscimo de 18,2% nos preços da carne e de 26,7% nos preços da fruta.

Segundo o Departamento de Agricultura dos Estados Unidos, entre abril e maio, devido à neve, chuva forte e granizo, as plantações de maçã nas principais províncias produtoras chinesas ficaram altamente danificadas resultando numa queda na produção deste fruto de 25%, o valor mais baixo em nove anos, segundo o relatório da agência.

Comente este artigo

O artigo foi publicado originalmente em O Jornal Económico.

Anterior Conferência da Alltech debateu desafios globais da agricultura e pecuária
Próximo El FEGA actualiza a finales de mayo las imágenes de satélite en parcelas agrícolas del Sigpac

Artigos relacionados

Nacional

Tetra Pak ultrapassa as 500 mil milhões de embalagens certificadas pelo FSC

A Tetra Pak anuncia que comercializou mais de 500 mil milhões de embalagens com o selo do Forest Stewardship Council (FSC) a nível mundial, […]

Nacional

Vinhos do Algarve têm nova identidade e estratégia de aposta na qualidade

A Comissão Vitivinícola do Algarve apresentou, no dia 27 de Fevereiro de 2020, uma nova identidade para os Vinhos do Algarve. O objectivo do […]

Dossiers

Restrição dos apoios às medidas agroambientais coloca em risco agricultura sustentável e combate às alterações climáticas

A Federação das Associações de Agricultores do Baixo Alentejo – FAABA – contesta firmemente o anúncio do Ministério […]