Efeito da peste suína na Ásia: Preço da carne de porco aumenta devido a escassez

Efeito da peste suína na Ásia: Preço da carne de porco aumenta devido a escassez

[Fonte: O Jornal Económico]

O preço da carne de porco em Portugal vai sofrer um aumento devido ao surto de peste suína africana na Ásia, que provocou o abate de milhões de porcos nos últimos meses, e a consequente escassez no mercado, avança o Correio da Manhã este sábado, 22 de junho.

“A China é a balança do mercado global. Se há escassez, os preços sobem e, por isso, também os consumidores nacionais vão notar a diferença, mais nos talhos do que nas grandes superfícies”, alertou David Neres, vice-presidente da Federação Portuguesa de Associações de Suinicultores (FPAS).

“Mas o efeito será residual e terá pouco impacto no orçamento das famílias. A carne de porco que chega ao consumidor nacional é a mais barata da Europa”, sublinha, citado pelo CM.

Só no Vietname foram abatidos dois milhões de porcos devido a este surto, com a situação a colocar muitos agricultores na pobreza.

Mas este surto de peste suína representa uma oportunidade para os produtores portugueses com o aumento de vendas para a China.

“Até ao fim do ano, a China vai comprar cerca de 80 mil toneladas de carne nacional, o equivalente a 100 milhões de euros. Estamos também a negociar cadernos de encargos que englobem miudezas, como os pezinhos de porco, que podem vir a render mais 100 milhões de euros anuais”, revelou João Bastos, secretário-geral da FPAS.

O maior exportador é a Alemanha e a Espanha. Devido ao aumento das exportações para a China de carne de porco espanhola, os portugueses vão passar a consumir menos porco espanhol e mais português.

Comente este artigo

O artigo Efeito da peste suína na Ásia: Preço da carne de porco aumenta devido a escassez foi publicado originalmente em O Jornal Económico.

Anterior Inovmilho: InovAgri_Student - 04 de junho
Próximo Rede Rural leva workshop sobre fileiras da vinha, olival e frutos secos a Vila Real - 3 de julho

Artigos relacionados

Nacional

Centrais solares flutuantes nas barragens permitem a Portugal cumprir metas de renováveis

[Fonte: O Jornal Económico]

As albufeiras das barragens em Portugal vão ter novas regras com o objetivo de fomentar o aumento de centrais solares flutuantes. […]

Nacional

Governo dos Açores quer setor apícola “mais forte”

[Fonte: Vida Rural]

Um setor apícola “mais forte”, “melhor organizado” e “sustentável”. É este o objetivo do plano estratégico para a apicultura dos Açores, […]

Últimas

Plano de Defesa da Floresta Contra Incêndios de Águeda revela “fragilidades”

[Fonte: Correio da Manhã]

O Plano Municipal de Defesa da Floresta Contra Incêndios (PMDFCI) de Águeda, […]