Investigação

Investigação

ADAI – Centro de Estudos sobre Incêndios Florestais
Nome de contacto:
Miguel Almeida
Categoria:
Descrição:

Centro de investigação da Universidade de Coimbra que se dedica ao estudo do comportamento do fogo e da segurança pessoal nos incêndios florestais

Telefone:
239708580
Fax:
239 708 589
Morada:
Rua Pedro Hispano, 12
Código Postal:
3030-289 Coimbra
CCTI – Centro de Competências para o Tomate Indústria
Categoria:
Descrição:

A génese do Centro de Competências para o Tomate Indústria (CCTI) inseriu-se no programa estratégico do Ministério da Agricultura e do Mar para a criação de um conjunto de Centros de Competências, em setores considerados relevantes no panorama agro-alimentar nacional. Assim, reuniu-se a representatividade de toda a fileira, nas vontades expressas num protocolo firmado entre a Associação dos Industriais de Tomate (AIT), a Confederação dos Agricultores de Portugal (CAP) e o Ministério da Agricultura e do Mar (MAM), servindo esse documento, posteriormente, como matriz orientadora para os estatutos do CCTI, enquanto Entidade Não Empresarial do Sistema de I&I.

Morada:
Quinta das Pratas Av. 25 de Abril
Código Postal:
2070-158 Cartaxo
CEBAL – Centro de Biotecnologia Agrícola e Agro-Alimentar do Alentejo
Nome de contacto:
Fátima Duarte,
Eliana Jerónimo
Categoria:
Descrição:

O Centro de Biotecnologia Agrícola e Agro-Alimentar do Alentejo (CEBAL) é uma unidade de investigação e desenvolvimento privada, sem fins lucrativos, sediada na cidade de Beja. O CEBAL desenvolve a sua actividade em estreita ligação com o tecido económico local, levando em consideração as características e o potencial da região em que se insere.

A actividade do CEBAL está estruturada de forma a desenvolver investigação prioritariamente aplicada, procurando identificar questões com impacto potencial para a economia da região e propor soluções biotecnológicas que permitam a resolução de problemas, a optimização da produção ou a certificação de produtos.

A actividade do centro está, também, direccionada para identificação e o desenvolvimento de novas oportunidades que possam ser aplicáveis à região nomeadamente nas áreas da produção vegetal, na produção animal, no processamento e melhoria dos produtos agrícolas e alimentares, na implementação de processos que permitam a obtenção de valor acrescentado a partir de sub-produtos e resíduos e na pesquisa de formas de valorização de matérias-primas tradicionais.

O CEBAL conta com a colaboração de 11 investigadores doutorados. Com idades compreendidas entre os 28 e os 40 anos, formam uma equipa pluridisciplinar que cobre os domínios das Ciências da Saúde, Engenharia Alimentar, Engenharia Química, Biologia e Bioquímica. No global, têm mais de 50 artigos publicados em revistas científicas internacionais incluídas no SCI, cerca de um centena de comunicações a congressos técnico-científicos e duas patentes, uma nacional e outra internacional.

Os investigadores do CEBAL estão dispersos por 5 grupos de investigação científica: Genómica Agronómica, Compostos Bioativos,
Valorização de Agro-Alimentos, Engenharia de Processos, e Genómica Animal e Bioinformática.

Telefone:
+ 351 284314399
Morada:
Rua Pedro Soares, s.n. – Campus IPBeja, Apartado 6158
Código Postal:
7801-908 Beja
CoLAB VINES & WINES – competitividade e sustentabilidade da vinha e vinhos portugueses
Nome de contacto:
Rosa Amador
Categoria:
Descrição:

A missão do CoLAB VINES&WINES, promovida pela ADVID e seus associados, é desenvolver e comunicar conhecimento e tecnologia para sustentar a ambição expressa pelo sector vitivinícola de crescer 25% no valor de exportação (atingir mil milhões de euros nos próximos 5 anos) e preparar e adaptar o sistema vitivinícola nacional para os grandes desafios que enfrenta, dos quais, as alterações climáticas são talvez o maior.
Para o efeito, estrutura o seu plano estratégico em torno de dois domínios de atuação:

1. Competitividade, através da definição e apresentação de vinhos sob o mote “PORTUGUESE, OF COURSE! (PORTUGUÊS, COM CERTEZA!)”

2. Sustentabilidade, através da projeção e construção de um sistema resiliente para o sector da vinha e do vinho, sob o mote “TOUGHER THAN EVER (MAIS FORTE DO QUE NUNCA)”.

ÁREA(S)DE ATUAÇÃO – Vinha: recursos genéticos; zonagem; solos; viticultura Inteligente e de precisão; competitividade dos territórios – recursos humanos, automação e valor percebido; desafios relacionados com o clima e a água. Vinho: ciência enológica para aumento de valor e a sustentabilidade da proposta Wines of Portugal; economia circular; ambiente, água e sustentabilidade; ciências económicas e sociais ao serviço de competitividade e sustentabilidade do setor.

Telefone:
+351 259 308 207
Morada:
Edifício Centro de Excelência da Vinha e do Vinho, Parque de Ciência e Tecnologia de Vila Real – Régia Douro Park
Código Postal:
5000-033 Vila Real
COTHN – Centro Operacional e Tecnológico Hortofrutícola Nacional
Categoria:
Descrição:

O Centro Operacional e Tecnológico Hortofrutícola Nacional visa promover o desenvolvimento da fileira hortofrutícola nacional, especialmente através da investigação aplicada, melhoria do nível de conhecimentos no sector, aprofundamento da cooperação e das parcerias nas áreas da tecnologia e da organização. Pretende promover uma maior aproximação entre as empresas e a investigação, bem como entre entidades públicas e entidades privadas.

Telefone:
+351 262 507 657
Fax:
+351 262 507 659
Morada:
Estrada de Leiria, S/N
Código Postal:
2460-059 Alcobaça
COTR – Centro Operativo e de Tecnologia de Regadio, Centro de Competência para o Regadio Nacional
Nome de contacto:
Gonçalo Morais Tristão
Categoria:
Descrição:

O COTR é uma associação sem fins lucrativos e foi criado em 1999. Tem como missão promover o desenvolvimento sustentável e competitivo da fileira do regadio, na vertente técnica, experimental, formativa, económica e ambiental, pela via da cooperação institucional com vista ao reforço da investigação, da inovação e da promoção das boas práticas agrícolas e da transferência e divulgação do conhecimento.
Em Julho de 2018, o COTR foi homologado como Centro de Competências para o Regadio Nacional, passando a ter como principais objectivos:
a) Elaborar a agenda portuguesa de investigação e inovação do regadio, na perspectiva da constituição de uma referência para a orientação de políticas públicas neste domínio e respectivos instrumentos financeiros, nomeadamente aqueles que dependem da gestão do Ministério da Agricultura;
b) Fomentar a experimentação e divulgação de conhecimentos;
c) Contribuir para o aumento da rentabilidade dos regantes, fomentando a sustentabilidade económica e ambiental das suas explorações agrícolas;
d) Apoiar a implementação de sistemas que visem o uso eficiente da água e energia nas atuais e novas áreas de regadio, em todo o território nacional, incentivando o uso de práticas agrícolas económica e ambientalmente sustentáveis;
e) Promover o uso racional e mais eficiente dos factores de produção, nomeadamente da água e da energia;
f) Promover a utilização de tecnologias inovadoras que permitam efectuar uma gestão de precisão, contribuído para a competitividade desta fileira;
g) Identificar o impacto das políticas públicas na competitividade dos regantes nacionais;
h) Acompanhar a implementação de novas práticas de agricultura de precisão;
i) Promover acções de formação para técnicos e agricultores;
j) Constituir um pólo de divulgação dos trabalhos científicos que forem levados a cabo e que tenham manifesto interesse para fileira do regadio;
l) Potenciar a divulgação do conhecimento científico, em estreita ligação com os agentes da fileira, nas principais zonas de produção do nosso país.

Telefone:
962582526
Morada:
Quinta da Saúde, Apart. 354
Código Postal:
7800-904 Beja
Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa)
Nome de contacto:
Maria Fernanda Diniz Avidos
Categoria:
Descrição:

A Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) é uma empresa pública com 42 unidades de pesquisa distribuídas por todo o Território Nacional. É uma empresa de inovação tecnológica focada na geração de conhecimento e tecnologia para agropecuária brasileira.

Telefone:
(61) 34484364
Morada:
Parque Estação Biológica (PqEB) s/número Asa Norte Brasília DF CEP 70770-901
ICAAM- Instituto de Ciências Agrárias e Ambientais Mediterrânicas da Universidade de Évora
Nome de contacto:
Patrícia Vacas de Carvalho
Categoria:
Descrição:

O ICAAM, Instituto de Ciências Agrárias e Ambientais Mediterrânicas, é uma unidade de Investigação e Desenvolvimento (I&D) da Universidade de Évora que se localiza no Campus da Mitra, uma herdade experimental com cerca de 285ha a 12 km da cidade de Évora.
A missão do ICAAM é desenvolver investigação para promover a sustentabilidade da agricultura mediterrânica e dos ecossistemas relacionados.
O ICAAM desenvolve as suas atividades com base em equipas multidisciplinares que integram investigadores das áreas da Engenharia Rural, Zootecnia, Biologia, Agronomia, Física, Química, Ecologia, Economia, Paisagem e Território, Ciências do Solo e Medicina Veterinária.
Através da cooperação com outras instituições de I&D nacionais e internacionais, o trabalho desenvolvido pelo ICAAM permite concretizar os seus principais objetivos: compreender o complexo agro-ecossistema mediterrânico e promover a Inovação Tecnológica como forma de responder, de forma integrada, às necessidades sociais, económicas e técnicas no campo da agricultura, preservando ao mesmo tempo os recursos naturais e a qualidade ambiental.
O ICAAM está ativamente envolvido em Programas de Formação pós-graduada e aposta numa estreita ligação com a comunidade, promovendo de forma ativa a disseminação do conhecimento científico.

No dia 1 de Janeiro de 2020, o ICAAM – Instituto de Ciências Agrárias e Ambientais Mediterrânicas, da Universidade de Évora, deixou de existir com este nome para passar a chamar-se MED – Instituto Mediterrâneo para a Agricultura, Ambiente e Desenvolvimento/Mediterranean Institute for Agriculture, Environment and Development.

Telefone:
+351266760885
Morada:
Universidade de Évora, pólo da Mitra, Apartado 94
Código Postal:
7006-554 Évora
Instituto de Investigación y Tecnología Agroalimentaria
Nome de contacto:
Albert Gurri
Categoria:
Descrição:

El IRTA es un instituto de investigación dedicado a la I+D+i agroalimentaria en los ámbitos de producción vegetal, producción animal, industrias alimentarias, medio ambiente y cambio global, y economía agroalimentaria. La transferencia de sus avances científicos contribuye a la modernización, competitividad y desarrollo sostenible de los sectores agrario, alimentario y acuícola, a la provisión de alimentos sanos y de calidad para los consumidores y a la mejora del bienestar de la población. El IRTA está adscrito al Departament d’Agricultura, Ramaderia, Pesca i Alimentació (DARP) de la Generalitat de Catalunya.

LIFE Food & Biodiversity
Nome da empresa:
Nome de contacto:
Nuno Sarmento
Categoria:
Descrição:

Biodiversidade nas Normas e Selos da Indústria Alimentar
O Global Nature Fund, a Lake Constance Foundation, a Agentur AUF!, da Alemanha; a Fundación Global Nature, de Espanha; a Solagro e a ‘agence good’, de França; e o Instituto Superior Técnico associaram-se para desenvolver este projecto, financiado pelo programa LIFE da União Europeia. O principal objectivo é o de melhorar o desempenho em termos de biodiversidade das normas e selos da indústria alimentar, apoiando as organizações detentoras destes na inclusão de critérios que beneficiem a biodiversidade. Pretende-se também motivar as empresas da transformação, do armazenamento e da distribuição para que estas incluam critérios benéficos para a biodiversidade nos seus cadernos de especificações.

Telefone:
+351218417366
Morada:
Instituto Superior Técnico, MARETEC/DEM, Av. Rovisco Pais, 1
Código Postal:
1049-001, Lisboa, Portugal