DGAV esclarece taxas de controlo e emissão de certificados de exportação pecuária

DGAV esclarece taxas de controlo e emissão de certificados de exportação pecuária

[Fonte: Agricultura e Mar]

A DGAV – Direcção-Geral de Alimentação e Veterinária acaba de publicar o Esclarecimento Técnico n.º 3/2018 referente às taxas de controlo oficial dos géneros alimentícios e à emissão de certificados de exportação.

O Esclarecimento técnico visa aclarar junto das unidades orgânicas pertinentes daquela Direcção-Geral a distinção entre os actos de verificação e inspecção veterinária abrangidos pelo âmbito de aplicação do Decreto-Lei n.º 178/2008, de 26 Agosto, e o acto de emissão de certificados para exportação, a que se faz referência na tabela 2, do anexo I, do Despacho n.º 5165-A/2017, de 2 de Junho de 2017, que aprova a tabela de preços dos diversos serviços prestados pela DGAV, no exercício das suas competências.

Instalações de desmancha

Salienta a DGAV que nas instalações de desmancha, a autoridade competente deve garantir que esteja presente um veterinário oficial ou um veterinário auxiliar quando a carne está a ser trabalhada, com a frequência adequada à consecução dos objectivos do presente regulamento.

Assim, em função destas regras, a presença da inspecção sanitária nos matadouros é permanente por imposição do Regulamento, operando como condição sine qua non para o seu normal funcionamento, enquanto noutros estabelecimentos tal presença não é exigida em permanência, mas sim com a frequência entendida por adequada pela autoridade competente, como sucede com as salas de desmancha ou outras.

Pode ler o Esclarecimento Técnico n.º 3/2018 aqui.

Agricultura e Mar Actual

Comente este artigo

Receba este artigo na Newsletter do Agroportal

Aceito a Política de Proteção de Dados e dou o respetivo Consentimento para a recolha e tratamento de dados pessoais.

O artigo DGAV esclarece taxas de controlo e emissão de certificados de exportação pecuária foi publicado originalmente em Agricultura e Mar

Anterior Transferencia de la PAC: Cataluña quiere que sean las CCAA las que gestionen las ayudas agrícolas comunitarias
Próximo Castilla y León pide el rechazo expreso de Sánchez al recorte de los fondos de la PAC

Artigos relacionados

Nacional

Governo dos Açores apoia agricultores com dois milhões de euros devido à seca

[Fonte: Açoriano Oriental]

O Governo dos Açores vai disponibilizar dois milhões de euros para a importação de 20 mil toneladas de alimentação animal, numa tentativa de ajudar os agricultores a fazer face à seca que se faz sentir na região.

O titular da pasta da Agricultura, […]

Comunicados

Animais Apresentados leilão 26/2017

[Fonte: AJASUL]

Nº Total de Animais: 151 Leilão Nº 26/2017 – Bolsa de Gado Bovino de Évora Data Leilão: 01-08-2017

Lote

Raça
Sexo
Idade
Apresentante
Licitação

001
1
X Carne
F
18 A e 7 M
AJASUL
0,75

002
1
X Carne
F
17 A e 9 M
AJASUL
0,80

003
3
X Carne
F
5 M
Pego do Lobo-Agropecuaria, […]

Últimas

Portugal já tem 26 Parques de Madeira afectada pelos incêndios

[Fonte: Agricultura e Mar]

O ministro da Agricultura, Florestas e Desenvolvimento Rural, Luís Capoulas Santos, promoveu hoje, 23 de Março, a constituição formal, em Mangualde, de 26 Parques de Recepção e Armazenamento de Madeira afectada pelos incêndios.
A cerimónia, presidida pelo ministro, teve lugar no Salão Nobre da Câmara Municipal de Mangualde. […]