Cotações – Bovinos – Informação Semanal – 10 a 16 Julho 2017

[Fonte: Agricultura e Mar]

Análise SIMA – Sistema de Informação de Mercados Agrícolas

As cotações médias nacionais dos novilhos e novilhas de 12-18 meses, de raça Turina e cruzado de Charolês, pautaram-se pela manutenção em relação à semana anterior.

No Entre Douro e Minho a oferta e a procura de bovinos foram médias e equilibradas. Mantêm-se as trocas com o mercado externo, nomeadamente com Espanha, registando-se principalmente a entrada de carne a preços inferiores e a saída de vacas. Estabilidade de cotações nas duas áreas de mercado, Entre Douro e Minho e Ribadouro.

Na Beira Litoral a oferta e a procura de bovinos foram muito fracas. A oferta de novilhos/as de 12-18 meses continua escassa e revela-se insuficiente, sendo o mercado abastecido em parte por produto oriundo do mercado externo. Nas áreas de mercado de Coimbra e Viseu as cotações mantiveram-se estáveis, mas no mercado de Aveiro o valor das cotações dos novilhos/as cruzados registou uma queda de – 5 cêntimos / Kg. Nos restantes animais estabilidade generalizada das cotações.

Na Beira Interior a procura de bovinos foi média e a oferta relativamente animada. Estabilidade de cotações.
No Ribatejo e Oeste, na área de mercado do Ribatejo, a oferta de bovinos foi muito fraca e a procura foi fraca. As cotações mantiveram-se sem alterações.

No Alentejo a oferta e a procura de bovinos foram médias nas áreas de mercado de Évora, Alentejo Litoral, Estremoz, Alentejo Norte e Elvas e as cotações estáveis. No mercado de Beja a oferta e a procura foram médias e registou-se uma subida de +10 cêntimos / Kg nas cotações em relação à semana anterior nos vitelos / vitelas de 6-8 meses cruzados, estabilidade nas restantes cotações.

A tendência da Bolsa do Bovino foi de manutenção de cotações em todas as categorias, novilhos, novilhas, vitelas e vacas.

Agricultura e Mar Actual

Comente este artigo

Receba este artigo na Newsletter do Agroportal

O artigo Cotações – Bovinos – Informação Semanal – 10 a 16 Julho 2017 foi publicado originalmente em Agricultura e Mar

Anterior Tejerina está convencida de que Europa permitirá adelantar el 70% de las ayudas de la PAC por la sequía
Próximo El consejero andaluz apuesta por la adaptación al cambio climático como la mayor oportunidad de progreso de este siglo

Artigos relacionados

Últimas

ASAE apreendeu cinco mil litros de leite no distrito de Viseu

[Fonte: Açoriano Oriental]
Em comunicado, a ASAE explica que, no dia 29 de março, a brigada especializada de fiscalização das indústrias de produtos de origem animal da Unidade Regional do Centro realizou “uma ação de fiscalização dirigida a uma indústria de fabrico de queijo, […]

Últimas

Animais Apresentados 20/2017

[Fonte: AJASUL]

Nº Total de Animais: 254 Leilão Nº 20/2017 – Bolsa de Gado Bovino de Évora Data Leilão: 05-06-2017

Lote

Raça
Sexo
Idade
Apresentante
Licitação

001
2
X Carne
F
13 A e 11 M
SEGA, Soc Exp. e Gestão Ag. […]

Últimas

IFAP paga 56 milhões de euros em Abril

[Fonte: Agricultura e Mar]

O IFAP – Instituto de Financiamento da Agricultura e Pescas procedeu, no dia 28 de Abril de 2017, conforme procedimento habitual, a pagamentos, num montante total de cerca de 55,9 milhões de euros, valores ainda provisórios, destacando-se os seguintes pagamentos:

FEAGA

POSEI Açores – Produções Animais – 14,2 milhões de euros
Novo Regime da Vinha – 2,6 milhões de euros
Promoção de Vinho em Mercados de Países Terceiros – 1,5 milhões de euros

FEADER

PDR 2020
– Investimento – 20,5 milhões de euros
– Medidas Agro-Ambientais – 5,2 milhões de euros
PRORURAL+
– Manutenção da Actividade Agrícola em Zonas Desfavorecidas – 2,3 milhões de euros
– Medidas Agro-Ambientais – 1,5 milhões de euros

Seguros

Seguro de Colheitas – 1,3 milhões de euros

FEAMP

MAR 2020 – 1,4 milhões de euros

Mais informações sobre pagamentos aqui. […]