Cotações – Aves e Ovos – Informação Semanal – 4 a 10 Setembro 2017

[Fonte: Agricultura e Mar]

Análise SIMA – Sistema de Informação de Mercados Agrícolas

Aves

A cotação média nacional do frango abatido (65% – de 1100 a 1300 g) sofreu novamente um decréscimo em relação à semana anterior (-10 cêntimos / Kg). O frango vivo (de 1,8 Kg) e o peru, vivo (de 14 a 15 Kg) e abatido (80% – 5,7 a 9,8 Kg), mantiveram-se estáveis.

Na região Centro a oferta de frango foi abundante nas duas áreas de mercado, Dão-Lafões e Litoral Centro; a procura foi média no Litoral Centro e relativamente animada em Dão-Lafões. A procura continua a baixar, com o final do período de férias para muitos emigrantes e turistas. No que se refere às cotações do frango abatido, ocorreu uma descida das classes de peso de 1100-1300 e de >1300 g nas duas áreas (-5 a -25 cêntimos / Kg). Em Dão-Lafões a procura de frango do campo é superior ao normal para a época, mas apesar disso as cotações mantiveram-se estáveis. Subida das galinhas vivas pesadas em Dão-Lafões (+10 cêntimos / Kg).

Na região do Ribatejo e Oeste, na área de mercado do Ribatejo e Oeste, a oferta de frango foi relativamente fraca e a procura relativamente animada. As cotações do frango e do peru, vivos e abatidos, e das galinhas vivas, pesadas e semi-pesadas, voltaram a não registar quaisquer alterações em relação à semana anterior.

Ovos

Na semana em análise as cotações médias nacionais dos ovos, quer na produção (ovo a peso de 60-68 g), -2 cêntimos / Kg, quer classificados e embalados em ovotermo das classes de peso M e L, -2 cêntimos / dúzia, voltaram a descer em relação à semana anterior.

Na região Centro a oferta de ovo foi abundante e a procura relativamente animada nas duas áreas de mercado analisadas, Dão-Lafões e Litoral Centro. A procura baixou com o final do período de férias de muitos emigrantes e turistas. Também a existência de ovos contaminados na Europa tem feito aumentar a venda para o mercado externo. De um modo geral, a oferta de ovo é suficiente para satisfazer a procura; no Litoral Centro a oferta de ovo M é excedentária e a de ovo L e XL é insuficiente. Descida das cotações máx. do ovo na produção (-5 cêntimos / Kg) e dos ovos classificados, em cartão e ovotermo, de todas as classes de peso (-5 cêntimos / dúzia) no Litoral Centro.

Na região do Ribatejo e Oeste, na área de mercado do Ribatejo e Oeste, a oferta e a procura de ovo foram médias e equilibradas. Decréscimo generalizado de cotações, -5 cêntimos / Kg para o ovo na produção e -5 cêntimos / dúzia para os ovos classificados, em cartão e ovotermo, de todas as classes de peso.

Agricultura e Mar Actual

Comente este artigo

Receba este artigo na Newsletter do Agroportal

O artigo Cotações – Aves e Ovos – Informação Semanal – 4 a 10 Setembro 2017 foi publicado originalmente em Agricultura e Mar

Anterior Los agricultores reciben 5.263 millones del Feaga hasta el 31 de agosto, el 93,12% de lo pagado en el ejercicio anterior
Próximo Agreste La production céréalière dépasserait 68 Mt en 2017

Artigos relacionados

Últimas

Governo dos Açores reivindica reforço orçamental da Política Agrícola Comum

[Fonte: Açoriano Oriental]

O secretário regional da Agricultura e Florestas dos Açores, João Ponte, reivindicou um reforço orçamental da Política Agrícola Comum (PAC) após 2020, num documento entregue hoje ao ministro da Agricultura, Luís Capoulas Santos, em Lisboa.

“A PAC é […]

Últimas

Animais Apresentado 10/2017

[Fonte: AJASUL]

Nº Total de Animais: 186 Leilão Nº 10/2017 – Bolsa de Gado Bovino de Évora Data Leilão: 20-03-2017

Lote

Raça
Sexo
Idade
Apresentante
Licitação

001
2
X Carne
M
4 M
J GODINHO FERRO
2,60

002
3
X Carne
M
4 M
J GODINHO FERRO
2,60

003
4
X Carne
F
5 M
J GODINHO FERRO
2,15

004
1
X Carne
F
5 M
J GODINHO FERRO
2,20

005
1
X Carne
F
13 M
COLBOM S.A. […]