Aprovados 52 novos programas para promover produtos europeus

Aprovados 52 novos programas para promover produtos europeus

[Fonte: Anipla - fitonotícias]

A Comissão Europeia aprovou 52 novos programas para promover produtos agrícolas da UE dentro e fora do espaço europeu. Lacticínios, azeite, frutas, legumes e carne são alguns dos alimentos a promover, numa ini-ciativa que tem como objetivo ajudar os produtores a divulgar a qualidade da produção, entrar em novos mercados e reforçar presença nos locais onde já se encontram.

Dos 52 programas aprovados, 32 serão dirigidos a países extracomunitários e dez focar-se-ão nos sistemas de qualidade da Comissão Europeia, incluindo as classificações de Indicação Geográfica Protegida e de Denominação de Origem Protegida. Saiba mais.

Comente este artigo

O artigo Aprovados 52 novos programas para promover produtos europeus foi publicado originalmente em Anipla - fitonotícias

Anterior Recuperação da casa de abrigo das Queimadas custa 73 mil euros
Próximo Barón de Ley ganó 13,85 millones de euros hasta septiembre, un 38 % menos

Artigos relacionados

Sugeridas

Feira Nacional de Agricultura está a chegar!

Contagem decrescente para a tradicional e afamada Feira Nacional de Agricultura. A feira agrícola, que junta o rural e o urbano, de 10 a 18 de Junho de 2017, no Centro Nacional de Exposições, em Santarém. Video dentro da notícia!!

Últimas

Mercado dos Vinhos

[Fonte: Jornal económico]

Para além do papel de anfitrião nos dias do Mercado de Vinhos, o apresentador vai lançar um passatempo para famílias no seu podcast do programa “Prova Oral”, que permitirá a entrada gratuita dos vencedores no evento. Paralelamente, vai animar o serão de dia 20, […]

Últimas

Vila Real junta três mil empresários de 18 países em busca de oportunidades de negócio

[Fonte: Rádio Renascença]

Vila Real recebe, esta sexta-feira e sábado, cerca de três mil empresários de 18 países, que se reúnem no VI Fórum da União de Exportadores da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (UE-CPLP).
A iniciativa assume-se como uma “verdadeira plataforma de negócios e de cooperação” […]