Alemanha oferece mais de 1 ME para ajuda alimentar à província moçambicana de Inhambane

Alemanha oferece mais de 1 ME para ajuda alimentar à província moçambicana de Inhambane

Maputo, 07 mar (Lusa) — A Alemanha vai dar 1,18 milhões de euros para ajuda alimentar e aquisição de sementes na província de Inhambane, sul de Moçambique, anunciou hoje a embaixada alemã em Maputo.

Em comunicado de imprensa enviado à Lusa, a embaixada da Alemanha refere que o auxílio poderá beneficiar 25 mil pessoas dos distritos de Massinga, Mabote e Govuro, que estão entre as mais pobres da província de Inhambane

“A oferta de alimentos será complementada com a oferta de sementes para agricultores desfavorecidos. O objetivo é suprir a necessidade de produtos alimentares de base e promover a produção por conta própria”, refere a nota de imprensa.

No ano passado, a Alemanha doou 550.000 euros, para ajuda alimentar e combate aos efeitos do fenómeno climatérico El Nino, na província de Inhambane, refere o comunicado.

O anterior projeto abrangeu pouco mais de 10.000 pessoas dos distritos de Mabote e Govuro.

Em fevereiro, sete pessoas morreram e mais de 50 ficaram feridas na província de Inhambane, na sequência de um ciclone que deixou 770 mil pessoas numa situação de vulnerabilidade.

O ciclone destruiu 106 salas de aula e cerca de 70 unidades de saúde, provocando prejuízos estimados em 900 milhões de meticais (cerca de 12 milhões de euros).

A coordenadora das Nações Unidas em Moçambique, Márcia Castro, disse recentemente que que a organização vai mobilizar o sistema humanitário internacional para o apoio às vítimas do ciclone.

Moçambique é ciclicamente afetado por calamidades naturais, com cheias, ciclones e seca.

PMA // VM

Lusa/Fim

Comente este artigo
Anterior XV Encontro de agricultores- Desafios para a produção agrícola- 8 de Março 2017- Golegã
Próximo Bilan météorologique Février particulièrement doux en France

Artigos relacionados

Nacional

Governo lança nova linha de 1.600 milhões para capitalizar empresas

O Governo prevê lançar, em fevereiro, uma nova linha de crédito capitalizar, operacionalizada através da PME Investimentos. Em causa está novamente uma dotação de 1.600 milhões de euros, mas os custos da linha vão mudar. As empresas mais arriscadas vão ter custos mais elevados.
O ministro da Economia, […]

Últimas

“Discriminatória e infundada”. Associação critica fim de apoios a novos olivais no Alqueva

[Fonte: O Jornal Económico]

“É, claramente, uma medida discriminatória e infundada” e, por isso, “não a podemos aceitar e iremos contestá-la”, disse à agência Lusa Miguel Portela de Morais, diretor da Olivum.

A Olivum – Associação de Olivicultores do Sul criticou hoje o fim da concessão de apoios comunitários a novos projetos para instalação de olival e agroindústrias associadas no perímetro do Alqueva, […]

Nacional

Sessão pública sobre o Programa Regional de Ordenamento Florestal do Alentejo em Almodôvar

O ICNF convida todos os interessados a participar na sessão pública sobre a revisão do Programa Regional de Ordenamento Florestal do Alentejo, no âmbito do período de discussão pública em curso, que terá lugar dia 14 de fevereiro de 2018, pelas 14 horas e 30 minutos, […]