ADP lança fertilizante azotado

ADP lança fertilizante azotado

[Fonte: ffl revista]

ADP Nergetic Dynamic S+ (DS+) é um novo adubo azotado de cobertura «exclusivo», com azoto nítrico e amoniacal, enxofre, cálcio e boro, «totalmente protegidos». O novo produto da ADP Fertilizantes foi lançado em Novembro, com eventos em Espanha (nos dias 5 e 16, em Almagro e Burgos, respectivamente) e em Portugal (28 e 30, no Porto e em Montemor-o-Novo, respectivamente), em que estiveram presentes clientes e técnicos da empresa, segundo comunicado da ADP Fertilizantes.

Nestes eventos, o director comercial da ADP Fertilizantes foi o responsável pelo enquadramento do novo produto no mercado nacional e internacional. António Santana Fernandes referiu que «há uma forte tendência de crescimento da procura de produtos azotados protegidos e combinados com enxofre», que «a ADP Fertilizantes deseja ocupar parte significativa deste mercado» e que «esta é a única solução no mercado com todos os nutrientes protegidos».

João Castro Pinto, responsável pelo Departamento de Investigação e Desenvolvimento da ADP Fertilizantes (à direita na foto de abertura, com António Santana Fernandes), falou sobre as características e especificidades do novo adubo, destacando a tecnologia de granulação e a tecnologia C-PRO, baseada num polímero biodegradável com propriedades hidrofílicas, que «regula a libertação de todos os nutrientes, permitindo a sua absorção pelas plantas e evitando perdas, em especial por lixiviação».

Henrique Ribeiro, professor do Instituto Superior de Agronomia (na foto em baixo), foi convidado para proferir uma comunicação sobre a importância da adubação com azoto e enxofre nas sessões realizadas em Portugal. O especialista destacou que o aspecto mais emergente relativamente ao azoto é «a necessidade de aumentar a sua eficiência de utilização, em resultado das elevadas perdas existentes», e para tal, a importância do «uso de tecnologias de protecção no fabrico dos adubos». Relativamente ao enxofre, a questão actual é «o aumento da frequência de carências de enxofre nas culturas, em consequência da diminuição da disponibilidade deste nutriente no solo, sendo crescente a necessidade de fertilizar com enxofre». Por fim, Henrique Ribeiro destacou a acentuada sinergia entre o azoto e o enxofre, indicando que «este nutriente potencia o efeito do azoto sobre o aumento de produção das culturas».

Notícias relacionadas

Comente este artigo

O artigo ADP lança fertilizante azotado foi publicado originalmente em ffl revista

Anterior Quer exportar ou investir na Argentina? Consulte primeiro a ficha de mercado da Aicep
Próximo El lobo no hace puente y se ceba con varias explotaciones ganaderas

Artigos relacionados

Nacional

Os incêndios e a geografia humana

[Fonte: Jornal De Negócios]

Ainda no rescaldo da tragédia de Pedrógão Grande, o país está mergulhado num debate sobre os incêndios e a sua prevenção, havendo agora uma corrida acelerada à denominada reforma florestal como esta fosse a panaceia para todos os males. […]

Últimas

Protesto – Batatas à borla no estacionamento de hipers em Salvaterra

[Fonte: O Ribatejo]

Na manhã desta segunda-feira os parques de estacionamento de supermercados de Salvaterra de Magos ficaram inundados de batatas, lá colocadas por desconhecidos mas que pode ser uma forma de protesto dos produtores de batatas contra os preços pagos pelas grandes superfícies à […]

Últimas

CASAN organiza cursos de Manobrador de Máquinas Agrícolas e Florestais

[Fonte: Agricultura e Mar]
A CASAN – Cooperativa Agro-Pecuária do Sudoeste Beirão está a organizar vários cursos de Manobrador de Máquinas Agrícolas e Florestais, com datas a combinar com os formandos. Os cursos estão disponíveis em diversas localidades, nomeadamente, Caxarias, Ansião e Abrantes.
Explicam os responsáveis pela cooperativa que o curso surge “como resposta ao dever das empresas prestarem aos seus trabalhadores e aos seus representantes para a segurança, […]