24H AGRICULTURA SYNGENTA: um excelente exemplo da implementação do The Good Growth Plan em Portugal

24H AGRICULTURA SYNGENTA: um excelente exemplo da implementação do The Good Growth Plan em Portugal

[Fonte: Syngenta]

Há um antes e um depois das 24H AGRICULTURA SYNGENTA. Quem participa não esquece e muitos são os estudantes que voltam ano após ano. Desde 2016 já participaram cerca de 600 alunos do ensino superior e técnico agrário nesta competição formativa inédita na Europa.

A 4ª edição decorreu na Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade do Algarve e na Direção Regional de Agricultura e Pescas do Algarve, em Portugal, a 6 e 7 de Abril, com concorrentes de 13 universidades e escolas de Portugal e Espanha, sob o mote da Economia Circular aplicada à Agricultura.

A Syngenta apadrinhou este evento desde a primeira hora e a nossa equipa em Portugal participa ativamente na preparação e avaliação das provas e acompanha os estudantes durante 24 horas consecutivas ao longo da competição. Trata-se de uma oportunidade única para ativar a marca Syngenta e partilhar os nossos valores corporativos com os futuros profissionais do setor agrícola (os estudantes de hoje, são os nossos clientes e parceiros de amanhã).

A competição engloba cerca de 30 provas, que começam às 8h de sábado e prosseguem ininterruptamente até às 8h de domingo. A Syngenta prepara várias destas provas. Numa delas questionou os concorrentes sobre os produtos da companhia homologados para controlo do míldio em citrinos e controlo do Traça-do-Limoeiro, seguindo as regras da Produção Integrada e do Modo de Produção Biológico, e levou-os a calcular a quantidade de produto a utilizar para um volume de calda e área de pomar determinados.

As provas práticas decorreram num pomar de laranjeiras, e em parceria com as marcas John Deere e pulverizadores Rocha, a Syngenta desafiou os estudantes a usar equipamentos Caliset para calibração de pulverizadores, onde tiveram de calcular o volume da calda e o débito por bico e determinar a velocidade de avanço do trator ajustada à pulverização pretendida.

Entretanto, ao longo da noite e início da madrugada sucederam-se novos desafios. A Syngenta apresentou pulverizadores de dorso e levou os alunos a experimentar e identificar o tipo de bico de cada pulverizador e em concreto os bicos anti-deriva, que melhoram a eficácia da pulverização e reduzem o impacto dos produtos no solo e nos lençóis freáticos. A boa gestão de resíduos de restos de caldas também foi abordada com uma prova teórica sobre o sistema Heliosec e, por fim, os alunos tiveram que identificar as possíveis zonas para instalar margens multifuncionais numa parcela agrícola, ficando a conhecer o projeto Operation Pollinator.

«Foi mais uma edição muito interessante onde pudemos constatar que os estudantes vibram com as provas da Syngenta, que são muito práticas e ensinam os princípios do uso sustentável dos produtos fitofarmacêuticos. É algo que raramente têm possibilidade de fazer durante o seu percurso académico», afirma Felisbela Torres de Campos, Regulatory & Corporate Affairs Lead for Portugal da Syngenta, que esteve no local das provas junto com os colegas Syngenta a quem dirige «um especial agradecimento aos nossos colegas António Howorth, Paula Martins, Catarina Reis, Inês Santos, Pedro Sabino, Pedro Neto e Nuno Zibaia pelo empenho na organização das 24H AGRICULTURA SYNGENTA».

«As 24H AGRICULTURA SYNGENTA são uma excelente oportunidade para dar competências às novas gerações de Agrónomos e consequentemente capacitar os agricultores a fazerem um melhor uso dos recursos disponíveis, através de novas soluções tecnológicas inovadoras e seguras, fundamentais à criação de sistemas de produção mais sustentáveis e para o aumento da Biodiversidade, dada a necessidade de alimentar uma população crescente com uma dieta saudável e segura», acrescenta Felisbela Torres de Campos.

As 24H AGRICULTURA SYNGENTA são mais um exemplo do claro compromisso da Syngenta e do nosso contributo para a melhoria da segurança alimentar global, evidenciando a nossa responsabilidade ambiental. Trata-se de uma excelente forma de implementação do The Good Growth Plan, que visa contribuir para a produção de mais alimentos com menos inputs, respeitando o ambiente e as pessoas.

As 24H AGRICULTURA SYNGENTA são um evento da Associação Portuguesa de Horticultura (APH), com a colaboração da IAAS Portugal- Associação Internacional de Estudantes de Agricultura e Ciências Relacionadas e da SFORI, empresa de formação experiencial. Além da Syngenta (patrocinador platina) participam outras empresas da área da rega, fertilizantes, tratores, alfaias e produção agrícola.

A 5ª edição das 24H AGRICULTURA SYNGENTA já está programada para Abril de 2020 na Escola Superior Agrária de Santarém.

———

Sobre a Syngenta

A Syngenta é uma das empresas líderes no setor agrícola. A nossa ambição é contribuir para a segurança alimentar mundial, ao mesmo tempo que cuidamos do planeta. A nossa proposta de valor é melhorar a sustentabilidade, a qualidade e a segurança da agricultura, através de investigação de ponta e de soluções inovadoras para as culturas agrícolas. Com 28.000 funcionários em mais de 90 países, trabalhamos para transformar a forma de produzir plantas. Através das nossas parcerias, colaboradores e do Good Growth Plan assumimos um compromisso com a melhoria da produtividade das culturas agrícolas, a recuperação dos solos em degradação, o incremento da biodiversidade e a revitalização das comunidades rurais.

Para obter mais informações visite: www.syngenta.pt | Youtube https://www.youtube.com/user/SyngentaEPT

Twitter: https://twitter.com/syngentapt | Facebook: https://www.facebook.com/pg/SyngentaPTG

Comente este artigo

O artigo 24H AGRICULTURA SYNGENTA: um excelente exemplo da implementação do The Good Growth Plan em Portugal foi publicado originalmente em Syngenta.

Anterior Produtores de gado de Bragança com ajuda municipal para sanidade animal
Próximo Em três semanas, Governo corta meta de investimento público para este ano em 471 milhões de euros

Artigos relacionados

Comunicados

Fenapícola preocupada.

A FENAPÍCOLA – Federação Nacional das Cooperativas de Produtores de Mel, CRL, foi recebida  a 21 de fevereiro,  em audiência, pelo Secretário de Estado da Agricultura e Alimentação, Luís Vieira.
Para além da apresentação de cumprimentos, fizeram parte da ordem de trabalhos da Federação os seguintes pontos:

Agradecimento pelo apoio e pela estreita colaboração entre a FENAPÍCOLA e o Ministério da Agricultura, […]

Últimas

ADP Fertilizantes comemora o 50º aniversário da Cooperativa Agrícola do Bebedouro

A ADP Fertilizantes associou-se às comemorações dos 50 anos da Cooperativa Agrícola do Bebedouro, ao ser uma das patrocinadoras da iniciativa que assinalou este evento, em Arazede, Montemor-o-Velho.
Este evento contou com a presença do Ministro da Agricultura, Florestas e Desenvolvimento Rural, Dr. Luís Capoulas dos Santos, […]

Comunicados

SmartFarmer – Apelo ao investimento por alunos da Nova SBE

Somos um grupo de estudantes de economia e gestão da Nova School of Business and Economics, Lisboa, atualmente no último semestre de licenciatura. Em parceria com o SmartFarmer, estamos a desenvolver um projeto no âmbito da disciplina de Implementação de Projetos com Impacto, tendo por objetivo a angariação fundos para um projeto da organização. […]